basquete

NBA Power Ranking – Cavs Acordou!

Mais uma semana se passou, e no topo nada mudou. Nas outras posições, sim. Aberto mais um PR da NBA temporada 2017-18:

heat

1 (0) – Boston Celtics (18-4)
Só foi começar o PR por aqui que os Celtas perderam um jogo (na verdade foram dois). Mas nada que o tirasse da liderança do PR. E nada como uma sequência em casa para recuperar o embalo. A derrota contra o bom time dos Pistons é “aceitável”.
Jogos na semana (todos em casa): 76ers, Suns e Bucks

2 (+1) – Houston Rockets (16-4)
Cinco vitórias seguidas (e contando?). Houston segue imparável no ataque (#2 em pontos e Off Rtg) e com James Harden encabeçando a fila do MVP da temporada regular. Os Rockets terão apenas dois jogos na semana, que “atrapalha” as pretensões quando se fala em fantasy. – Jogos na semana: Pacers (casa) e Lakers (fora)

3 (-1) – Golden State Warriors (15-6)
Oscilação e algumas pequenas lesões minaram a semana dos atuais campeões. KD retornou a Oklahoma e ele teve uma noite abaixo do normal. A surra imposta nos Bulls e triunfo sobre NOLA recuperou a moral, mas a derrota no fim contra os Kings, em casa, colocou um ponto de interrogação no time, antes de iniciar sua série de jogos longe de Oakland. – Jogos na semana (todos fora): Lakers, Magic, Heat e Pelicans 

4 (+1) – Detroit Pistons (13-6)

Mais uma equipe com uma semana perfeita e surpreendendo com a segunda melhor campanha do leste, só atrás dos Celtics (que eles bateram na última segunda). A receita de uma boa defesa, aliado a um eficiente ataque (108.7 pontos a cada 100 posses – #8 da liga) tem sido fundamental para a ascensão de Detroit. A sua sequência da semana é crucial para colocar um ponto de exclamação. Olho nesse time.
Jogos na semana: Suns (casa), Wizards (fora), 76ers (fora) e Spurs (fora)

5 (+1) – San Antonio Spurs (13-7)
Semana positiva e com direito a um chilique de Poppovich contra a arbitragem (NBA raiz ainda respira). Em quadra, o time ainda espera pela volta de Kawhi Leonard e tem Rudy Gay como incerto após uma lesão no calcanhar. Seus próximos jogos serão contra equipes em situações distintas, mas se tratando de Spurs não faz diferença.
Jogos da semana: Grizzlies (casa), Grizzlies (fora), Thunder (fora) e Pistons (casa)

6 (+5) – Cleveland Cavaliers (13-7)
Ninguém vai notando, vai falando nada… Mas os Cavs estão aí. São oito vitórias seguidas do time de LBJ, onde os rumores de uma troca que envolveria DeAndre Jordan ganharam força durante a semana. A baixa é o afastamento de Derrick Rose, que pode encerrar a carreira aos 29 anos por conta das várias lesões que acabaram com seu físico e psicológico. – Jogos na semana: Heat (casa), Hawks (fora), Grizzlies (casa) e Bulls (fora)

7 (-3) – Toronto Raptors (12-7)
Kyle Lowry carregou o piano como pôde, mas os Raptors fecham a semana com saldo negativo (1-2). A preocupação maior no momento é com seus alas-armadores, DeMar DeRozan (joelho) e CJ Miles (nascimento de sua filha). Semana curta de jogos ajuda a colocar ordem na casa. – Jogos na semana (todos em casa): Hornets e Pacers

8 (0) – Portland Trail Blazers (13-8)
Um tropeço impediu a semana perfeita dos Blazers. Uma das defesas top-5 em pontos cedidos da liga segue brigando por um mando de quadra (e o que Damian Lillard joga é brincadeira). Time volta ao Oregon para manter o embalo.
Jogos da semana (todos em casa): Bucks e Pelicans

9 (-2) – Minnesota Timberwolves (12-8)

Vitória, derrota, vitória… Os Wolves seguem com seus altos e baixos. Jimmy Butler (porque resolveram ficar com o Hoiberg, Bulls?) melhora a cada jogo que passa. Minnesota terá uma verdadeira maratona a lá tabelas antigas (cinco jogos em sete dias) para colocar um rumo nessa montanha-russa.
Jogos na semana: Wizards (casa), Pelicans (fora), Thunder (fora), Clippers (casa) e Grizzlies (casa)

10 (+3) – Philadelphia 76ers (11-8)
Estão deixando a garotada brincar! Ben Simmons, Joel Embiid & cia estão mostrando que o futuro é agora e que o “processo” é real. São cinco vitórias nos últimos sete jogos (média de 109.8 pontos nessa sequência). Mas a pergunta que fica é: para onde vai Jahlil Okafor? – Jogos na semana: Wizards (casa), Celtics (fora), Pistons (casa) e Suns (casa)

11 (-2) – Denver Nuggets (11-8)
A baixa de Paul Millsap (operou o pulso), pode colocar a temporada dos Nuggets sob risco. Assim como os Wolves, o time fica no ganha e perde desde a vitória sobre o Magic, no dia 11, quando havia engatado a terceira vitória seguida. Nikola Jokic vai ter que se desdobrar para colocar Denver de volta nos trilhos.
Jogos na semana: Jazz (fora), Bulls (casa), Lakers (casa) e Mavericks (fora)

12 (+2) – Indiana Pacers (12-9)

A crescente era muito boa, mas só foi perder o Oladipo por um jogo para acabar com as cinco vitórias seguidas. O ala-armador nigeriano voltou e o time voltou a vencer (seis nas últimas sete partidas). Comendo pelas beiradas, os Pacers vão chegar lá (para quem esperava por derrotas e mais derrotas…). –  Jogos na semana: Rockets (fora), Raptors (fora) e Knicks (casa)

13 (+2) – New Orleans Pelicans (11-9)

O trio Rondo-Cousins-Davis está vindo aí! Com direito até a vitória sobre SA, o time da Louisiana vai se acertando para voltar aos offs depois de ficar fora na última temporada. AD, saudável, é o melhor PF da liga e está jogando demais. Que as lesões parem de castigá-lo. – Jogos na semana: Wolves (casa), Jazz (fora), Blazers (fora) e Warriors (casa)

14 (-4) – Washington Wizards (11-10)

Vai ser vida dura sem John Wall, fora por duas semanas para tratar do joelho. Sem o camisa #2, os Wiz perdem muito e para completar terão vários jogos difíceis até a volta de João Parede. Como deve ficar pouco tempo fora, Washington tem tudo para recuperar o tempo perdido. O quão perdido ele será vai depender de como o time responde em quadra. – Jogos na semana: Wolves (fora), 76ers (fora), Pistons (casa) e Jazz (fora)

15 (+5) – Miami Heat (11-10)

E fechando a lista o empolgado Miami Heat. O responsável pela quebra das vitórias de Boston embalou três vitórias seguidas e é o principal destaque da semana. Se na temporada passada os playoffs não chegaram por detalhes, esse ano as coisas podem ser diferentes. – Jogos na semana: Cavaliers (fora), Knicks (fora), Hornets (casa) e Warriors (casa)

Fechando o ranking

16 (-4) – New York Knicks

17 (-1) – Milwaukee Bucks (pode jogar bem mais do que isso)

18 (+6) – Utah Jazz

19 (-1) – Oklahoma City Thunder (pode jogar bem mais que isso pt. 2)

20 (+1) – Charlotte Hornets

21 (+5) – Los Angeles Clippers (se o Griffin ficar mais um tempo fora…)

22 (-1) – Los Angeles Lakers

23 (-6) – Orlando Magic

24 (-5) – Memphis Grizzlies (aprende, diretoria dos Bulls!)

25 (0) – Brooklyn Nets

26 (-2) – Phoenix Suns

27 (0) – Sacramento Kings

28 (+1) – Atlanta Hawks

29 (+1) – Dallas Mavericks

30 (-2) – Chicago Bulls (run with the tank)

 

Vitor #Chaveatle” Silva sofre muito com os Bulls, mas manda bem no Power Ranking, para o blog Major Sports!

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s