baseball

Red Sox: O que esperar de seus prospects?!

Todo amante do beisebol, provavelmente acompanha a Major League Baseball (MLB), liga no qual jogam os grandes astros, com salários exorbitantes, onde jogos muitas vezes acabam tomando contornos imprevisíveis, que nem mesmo os grandes letrados conseguem explicar as mudanças de cenários com sua grande base de estatísticas. Porém para se ter todo este glamour, as estrelas passam pelas Minors (ligas de desenvolvimento), onde muitos garotos são lapidados para se tornarem estrelas na MLB.

redsox

Rodrigo Silva Jr:

Falaremos um pouco da Farm do Boston Red Sox, uma franquia conhecida pela sua grande história, com lendas como David Ortiz, Pedro Martinez e Ted Williams. A farm do Red Sox, que nos últimos anos forneceu à franquia jogadores como Mookie Betts, Jackie Bradley Jr., Andrey Benintendi, Xander Bogaerts, Matt Barnes e Heath Heembre, poderá passar por um momento de seca. Isso se deve a alguns movimentos feitos pelo seu Presidente de Operações, Dave Dombrowski, que chegou ao Red Sox em 2015 para ocupar tal função e ganhou total autonomia do John Henry (sócio majoritário da equipe). Com isso, DD como é chamado, passou a se utilizar de trocas para trazer grandes jogadores para a franquia a fim de voltar a conquistar a World Series. Porém, para se chegar ao sucesso, tem-se um preço e ao se falar de DD, o preço é trocar seus grandes prospects, muitas vezes pensando no imediatismo ao invés de pensar no longo prazo, com isso a farm do Red Sox foi praticamente dizimada, algo que iremos tratar a partir deste momento.

Para se falar das minors de Boston, iremos retirar a calculadora do freezer e utilizar ela no terrão e ver se conseguimos dissecar os novos top prospects da equipe.

davis_dom29_spts

Desde a chegada de Dombrowski ao Red Sox, houveram algumas aquisições impactantes à equipe, como a chegada do LHP Chris Sale, num movimento em que foram enviados os top prospects Yoan Moncada e Michael Kopech para o Chicago White Sox, e tivemos também a chegada de Drew Pomeranz, em troca do top prospect Anderson Espinoza, com estes movimentos a equipe principal teve um Upgrade de qualidade, porém a farm foi incrivelmente prejudicada, se olharmos a longo prazo vemos poucos jogadores com qualidade de chegar a MLB e conseguir amplo sucesso, algo a ser muito considerado para um futuro próximo.

Alguns prospects merecem ser citados, são estes: Jay Groome, hoje é o TOP 1 prospecto do Red Sox,  um arremessador canhoto de 19 anos, escolhido na primeira rodada do draft de 2016, apresenta alguns números não muito bons nas ligas de desenvolvimento, porem é um jogador a ser lapidado ainda, sua carreira nas minors, tem 3 vitórias e 9 derrotas, em 17 jogoas, onde combinou para um ERA de 5.37 em 62 entrada jogadas, com 52 hits cedidos, 40 corridas, 34Walks e 82 Strike Outs.

jay groome Jay Groome

Outro jovem que se espera ver já na temporada de 2018 é o 1B Sam Travis, jogador de 24 anos, escolha de segunda rodada no draft de 2014, o jovem já atuou na MLB em 33 jogos, tendo aparecido em 76 AtBats, obtendo 20 hits, sendo 6 multibases, anotando 13 corridas, e tendo 6 walks, tomou 23 Strikes Outs e possui um AVG de .263 nas grandes ligas.

Tzu-Wei Lin, chinês de 23 anos, Lin foi um dos jogadores a subir da liga de desenvolvimento na temporada de 2017, o “infielder” (joga tanto na 3B quanto de SS), apresentou 25 jogos na temporada, combinando para 56AB, com 15 hits, 7 corridas anotadas, sofreu 17 Walks com um AVG de .268

Michael Chavis, considerado o Top 2 prospecto da franquia, o jovem 3ª. base de 22 anos, foi escolha de primeira rodada no draft de 2014, não teve oportunidade na MLB e parece algo que ainda vai demorar a acontecer devido a presença do Rafael Devers, outro top prospect da franquia que possui apenas 21 anos. Chavis apresenta em sua carreira nas minors 126 jogos, combinando para 471 AB com 133 hits, gerando um AVG de .282, destes foram 68 rebatidas multibases, no qual 31 foram Home Run, acumulou em sua trajetória 113 K’s nas minors.

ChavisMichael Chavis

 

Ítalo Santana:

O recém-chegado Brett Netzer ainda não trouxe os holofotes para seu home plate, mas posso dizer que o segunda base também é uma grande promessa para os próximos anos. O jogador de 21 anos foi draftado esse ano, conseguindo pular várias ligas e alcançar o título da Southern Atlantic League 2017 pelo Greenville Drive. Essa temporada, o camisa 12 teve o número de 48 jogos (entre o Drive e os Spinners) e anotou uma incrível média de .286 no aproveitamento do bastão, chegando ao total de 62 bases e .350 no aproveitamento sob as mesmas. Por outro lado, na defesa, conquistou 21 double-plays, seis tolos erros e uma porcentagem de 96.6% no Fielding.

brett netzerBrett Netzer

Completamentando sobre a conquista da liga pelo Drive, Netzer conseguiu entrar em sete jogos nos playoffs e em apenas dois jogos não conseguiu rebater pelo menos uma dupla, mas em nenhuma partida ficou sem rebater e isso resultou em uma média de .467 no bastão, mais uma porcentagem de 60% em aproveitamento sob as bases na pós-temporada. Para os olheiros, o rebatedor designado e segunda base tem toda capacidade para ser um bom jogador na função, mas ainda precisa desenvolver a velocidade de sua corrida e o lado defensivo, mas pelo lado ofensivo, veem muita agressividade no bastão.

Para o seu primeiro playoff como Rookie… nada mal!

Por fim, existe um jogador no meio de muitos que poucos da organização falam. O jardineiro direito Jeremy Barfield, 29 anos, chegou no meio da temporada e estava pela Sugar Land Skeeters na Atlantic League. Enquanto estava na liga independente, rebateu 9HRs, anotou 25 e impulsionou 21 corridas em 35 jogos. Em seguida, com todos esses números na mesma temporada, fechou com o Boston Red Sox e estando de volta para para MILB, pois sua última passagem foi em 2015 pelo Istopes (Colorado Rockies) e em 2014 pelo Stockton Ports (Oakland Athletics). Barfield designou a função de jardineiro direito pelo Portland Sea Dogs nessa temporada, chegando ao maior número de HRs em uma temporada de toda sua carreira (27) e alcançando a marca de 100HR’s em suas 9 temporadas pelas minors. O defensor externo alcançou além disso, o prêmio de jogador do mês (julho), jogador da semana 30/7, All Star, e isso tudo no mesmo mês que ingressou na organização. Antes de carimbar sua passagem para Pawtucket Red Sox (AAA), o jardineiro ainda impulsionou 75 e anotou ao total de 62 corridas, uma média de .288 no bastão, .359 sob as bases e tudo em 92 jogos na AA. Saltando pra liga acima, tríplice A do Red Sox no final da  temporada, teve a participação de apenas três significantes jogos, conseguindo ainda rebater um home run e anotar três corridas.

Jeremy BarfieldJeremy Barfield

Um fato curioso que Barfield designou no passado foi suas idas ao montinho. Isso mesmo! Ele foi RP em 2014 pelo Stockton Ports (Oakland Athletics) e conseguiu anotar 4 vitórias, uma média de 4.63 em corridas cedidas legais, 39 eliminações e 1.62 de WHIP em 23 jogos. Nessa temporada 2017, o defensor externo também subiu uma vez ao montinho pelo Sea Dogs, conseguindo três eliminações, cedendo um walk-off home run e anotou a derrota em três entradas arremessadas.

A farm do Red Sox ainda apresenta algumas promessas de bons jogadores, mas se voltarmos a 2/3 anos está bem abaixo, com a possível negociação envolvendo o Stanton OF do Marlins, podemos ver os prospects indo embora e com isso o Red Sox ficar sem a perspectiva de algum jogador sair das ligas menores para obter sucesso em curto prazo na liga. É algo que teremos que aguardar, uma equipe que a anos que não forma arremessadores, apenas rebatedores, tem que começar a pensar em suas ligas menores, desenvolver jogadores, manter uma folha salarial baixa e obter sucesso, algo que pode ser observado com o Houston Astros nesta temporada, aguardemos os próximos movimentos de Dave Dombrowski.

Obrigado a todos os leitores. Curtam, compartilhem, critiquem, a opinião de vocês nos ajuda a melhorar cada dia mais. Abs.

 

  • Rodrigo Silva Jr é torcedor do Red Sox e colaborador semanal do Blog Major Sports.
  • Ítalo Santana também é torcedor do Red Sox e apaixonado pelas Minor Leagues, faz um excelente trabalho no twitter @meiavermelha aonde acompanha o ano e todas as transações das Minors do Red Sox e escreveu especialmente para o Blog Major Sports

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s