basquete

Fantasia No Ar #3 – Dicas NBA e NHL

Fantasia No Ar #3

Amigos viciados em Fantasy. Após dois posts especiais, agora é hora de botar a casa em ordem e falar, enfim, das dicas para quem busca melhorar seu time e ainda sonha com playoffs nas ligas mundo afora de NBA e NHL. E hoje, para os ansiosos, indicação para “amenizar” uma lacuna.

Confira o resumão:

Lonzo Ball: dropar ou não dropar?

 ball

Lonzo pode não ser o cara das jogadas plásticas e seus números falam por si (10 pontos, 7 rebotes e 7 assistências de média na temporada). O armador acaba puxando uma boa pontuação, até mesmo em ligas onde cesta de quadra errada acaba descontando pontos. Mas seu problema é se lesionar e ficar bons períodos fora de ação. Das 46 partidas dos Lakers na temporada, Lonzo jogou 36. Não é um número muito escancarado de ausências e nem é questão de “deixar na mão”.

Jogadores assim só são dropados em caso de haver alguém que consiga cobrir a pontuação (e para encontrar na Free Agency precisa ser um excelente garimpeiro, pois é bem difícil achar) ou fora da temporada (caso a liga não tenha keepers* para a temporada seguinte). Por se tratar de joelho (o que fez Lonzo Ball perder os últimos quatro jogos), toda paciência é bem-vinda.

O Cara Fora do Radar 1: Bogdan Bogdanovic (SG/SF, Sacramento Kings)

 kings

 O sérvio demorou para pegar o ritmo da NBA. Hoje, é titular do Sacramento Kings e nas últimas duas semanas, tem sido uma das boas peças do time da Califórnia (médias de 17.6 pontos com aproveitamento acima de 50% nos chutes de quadra). Aproveitem a chance caso o ala-armador esteja sem clube no Fantasy. SG é uma posição bem complicada de achar bons nomes sem grife.

 

O Cara Fora do Radar 2: Darnell Nurse (D, Edmonton Oilers)

 oilers

 No gelo as coisas podem não estar boas para Edmonton. Mas a fase de Darnell Nurse tem sido ótima até aqui (5 pontos, sendo 4 gols e 2 deles o da vitória, plus/minus +6, 12 hits e 11 tiros bloqueados nas últimas duas semanas). O período sem jogos pode atrapalhar a sequência do defensor, mas isso não tem tirado a confiança de quem procura por um nome para ajudar na defesa.

O Cara Fora do Radar 3: Alexander Edler (D, Vancouver Canucks)

 edler

Outro defensor de um time que está mal na temporada, mas que tem ajudado os Canucks nas vitórias mais recentes. Edler vem pontuando em cinco das últimas seis partidas de Vancouver (neste intervalo: 6 pontos, 23 tiros a gol, 16 hits e 14 tiros bloqueados). Vale a pena arriscar.

Evite: Defesa do New York Islanders

 isles

 Não há ninguém, talvez Nick Leddy, que se salve na temporada dos Isles no que diz respeito a defesa. Hoje, o time é o pior da NHL no quesito. E ter alguém de um time que toma em média perto de 4 gols por partida (nem o Arizona chegou a este ponto), tem que ser no mínimo corajoso.

Para a Fila do Desempregado: Gerald Green (SF, Houston Rockets)

greem

De solução para os Rockets, para ser um dos mais dropados nos últimos tempos. Gerald Green despontou como uma solução para ajudar na ausência de James Harden e foi um sucesso momentâneo. Depois vieram as más atuações que acabaram culminando na suspensão do ala por dois jogos (briga na partida contra o Clippers) junto com a volta do Barba na semana passada. Vale lembrar que Green só pontuou bem em partidas já ganhas ou perdidas (o famoso garbage time ou turma do Terrão). Pode dropar** sem dó que haverão outros nomes que podem ajudar mais.

Quase entrando na Fila: Taurean Prince (SF, Atlanta Hawks)

 prince

 Desde que deslocou o dedo, Prince não tem tido atuações decentes pelo Atlanta em sequência. Do seu último bom jogo em diante (o double-double contra os Blazers, no fim de 2017), Prince passou dos 10 pontos em 3 das últimas 9 partidas, e com aproveitamento abaixo dos 40% (38,3%) nos chutes de quadra. Se um nome melhor ou em boa fase estiver dando sopa, já sabe.

Quem Pode Despontar na NBA (Semana 15): Tim Hardaway Jr (SG/SF, New York Knicks)

 hardaway

 Demorou, mas o filho do grande Tim Hardaway voltou a atuar e está voando (21.3 pontos com aproveitamento perto dos 50%, 4.0 rebotes e 1.8 assistências de média). Hardaway enfrentará times cuja defesa não é o principal forte (Warriors, Nuggets e Suns). Chance de ser o cara fora LeBron James, Greak Freak, Monocelha…

Quem Pode Despontar na NHL (Complemento da semana 15): Jonathan Bernier (G, Colorado Avalanche)

 ava

 Um dos motivos da grande fase dos Av’s até agora passa pelo goleiro Bernier. Ele jogou nas oito vitórias seguidas do time (nos oito jogos – médias de 1,3 gols sofridos, 31 defesas e 95,27% dos tiros defendidos). Contra equipes que oscilam (Maple Leafs e Blues) e uma em derrocada (Canadiens) a chance de manter a ótima fase é altíssima.

 

Quem Também Pode Despontar na NHL (Complemento da semana 15): Anthony Beauviller (LW, New York Islanders)

 isles2

 Se a defesa é uma mãe, o ataque anda na direção oposta. E um dos beneficiados que subiu recentemente ao time principal (estava na AHL) que começou mal a temporada é Anthony Beauviller, que no sábado chegou aos 10 gols no atual certame. Desde que voltou, ostenta 7 pontos (sendo 6 gols), plus/minus +7, 1 game-winning goal, 17 tiros a gol e 12 hits. Para os Isles, que tem um confronto contra os Yotes, e depois Vegas, Beauviller pode dar muitas alegrias em curto prazo, a princípio.

Bônus 

Como os mocks*** de Draft da MLB nas principais plataformas ainda não está liberado, tomei a liberdade de procurar algum site ou saber quando iriam começar os mocks oficiais. Neste meio tempo encontrei o site Draft Wizard, onde é possível fazer os mocks e simular nas plataformas que desejar. Um oásis neste deserto.

Em alguns modos de Draft e outras coisas mais, é necessário criar uma conta (contando a premium para dicas avançadas). Para o mais simples, não é necessário criar nada. E não se limita apenas a MLB. Tem das quatro grandes ligas.

Link para acessar diretamente o mock:

https://draftwizard.fantasypros.com/baseball/mock-draft-simulator/

Bê-a-Bá do Fantasy 

A cada termo novo a ser utilizado nos textos, será mostrado um pequeno vocabulário explicando o mesmo

*Keeper: um jogador que o dono da equipe “preserva” para a temporada seguinte, assegurando-o para o próximo campeonato. O recurso é muito usado nas grandes estrelas e/ou nas jovens promessas das ligas para a temporada seguinte em específico. O limite de jogadores é dado pelo LM e não é necessariamente obrigatório nas ligas.

**Dropar: verbo abrasileirado que seria a mesma coisa que dispensar o jogador de sua equipe.

**Mocks: um Draft fictício para treino antes da sua liga em específico começar. Se utiliza para saber como estará a lista de jogadores e suas respectivas posições antes do Draft real.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s