esporte

NHL – Power Ranking #R∃V∃RSO

Semana de All-Star Game e de “pausa” de fogo no gelo. A parada pode fazer bem para alguns colocarem a casa em ordem. Bom, por se tratar de fim de mês, é Power Ranking Reverso, nossa classificação do final pro inicio pra dar uma chance pra quem está “naquela draga” de aparecer pelo menos em nosso ranking hehehe

31 (-) Arizona Coyotes (12-29-9 – 33 pontos) Um dos times que mais tem overtime na campanha. Os Yotes, nos últimos sete jogos, levaram para o OT em quatro deles. A lanterna do Oeste está muito bem encaminhada, já que Vancouver acordou. É torcer para acabar o ano logo. – Jogos na semana: Stars (casa), Kings (fora) e Jets (fora)

30 (-) Buffalo Sabres (14-26-9 – 37 pontos) Buffalo resolveu fazer algumas gracinhas antes da pausa do All-Star Game. São três vitórias seguidas e pasmem: DUAS POR SHUTOUT!!! Os Sabres não venciam duas seguidas desde outubro. Um feito e tanto, e para quem achava que o último lugar do Leste era certo, comece a repensar. Jogos na semana (todos em casa): Devils, Panthers, Blues e Ducks

sabres

29 (-) Ottawa Senators (15-23-9 – 39 pontos) O poço parece não ter fim. Cinco derrotas seguidas e o time está vendo os Sabres no retrovisor. A queda é uma daquelas que não tem explicação (nos últimos dois meses, apenas sete vitórias). Resta saber se Karlsson fica ou é trocado. Jogos na semana: Hurricanes (fora), Ducks (casa), Flyers (fora), Canadiens (fora) e Devils (casa)

28 (-1) Vancouver Canucks (19-24-6 – 44 pontos) O bom momento acabou rápido. Os Canucks acabaram caindo para times que estão em mesma situação que a sua (incluindo um 0-4 para os Sabres na Rogers Arena). A volta vai ser complicada, por enfrentar times (exceção do início na costa leste) que aspiram playoff, no mínimo. Ainda é possível terminar de maneira honrosa. Jogos da semana: Avalanche (casa), Blackhawks (casa), Lightning (casa), e Panthers (fora)

27 (-1) Florida Panthers (19-22-6 – 44 pontos) O 2018 está feio (duas vitórias em nove jogos) e ainda está sem os seus dois goleiros. Luongo, que está fora a quase dois meses, e agora James Reimer. Harri Sateri entrou e ainda não ganhou um jogo na carreira (4 jogos e 3 derrotas, sendo que na única que não perdeu, entrou com o resultado já definido). Pouco azar é balela. Jogos na semana: Islanders (fora), Sabres (fora), Red Wings (casa) e Canucks (casa)

26 (+2) Montreal Canadiens (20-23-6 – 46 pontos) Com a temporada já 90% selada, os Habs começam a pensar no futuro. O nome da vez para deixar Montreal é o goleiro Carey Price. O St. Louis Blues está fazendo uma oferta alta (envolvendo Jake Allen) para levar o canadense para o Missouri. Que fim melancólico para Montreal. Jogos da semana: Blues (fora), Hurricanes (fora), Ducks (casa) e Senators (casa) 

25 (-1) Detroit Red Wings (19-21-8 – 46 pontos) Outro que está com um pé na temporada 2018-19, os Red Wings vão jogar cada jogo por vez, como se não bastasse levar 5 do maior rival dentro de casa. Está difícil a situação. Jogos na semana: Sharks (casa), Hurricanes (fora), Panthers (fora) e Bruins (casa)

24 (+1) Edmonton Oilers (22-24-3 – 47 pontos) O melhor time abaixo dos 50 pontos. Uma temporada onde a palavra decepcionante é um mero apelido. A boa notícia é que os Oilers foram premiados e farão, contra o NJ Devils, uma série de três partidas na Europa (Suíça, Alemanha e Suécia). Fora isso, a remontagem do elenco para 2018 será algo complexo. Jogos da semana (todos em casa): Avalanche e Lightning

23 (-) Carolina Hurricanes (22-19-8 – 52 pontos) A corrida para a pós-temporada está complicada. Os Canes não conseguem uma sequência há um bom tempo (um mês para ser exato) e acumulam mais derrotas do que vitórias desde então. A volta do All-Star Weekend pode ajudar em uma retomada.  Jogos na semana (todos em casa): Senators, Canadiens, Red Wings, Sharks e Flyers

22 (-2) Chicago Blackhawks (23-19-7 – 53 pontos) O time se perdeu e agora precisa melhorar muito no gelo para ir aos playoffs. Chicago não fica ausente dos offs desde a chegada de Joel Quennville, o Coach Q (2008). Sem Corey Crawford, tem sido difícil a vida dos Hawks. Jogos na semana: Predators (fora), Canucks (fora), Flames (fora) e Flames (casa)

21 (-) New York Islanders (25-20-5 – 55 pontos) O modo “ataque cobre a defesa” está voltando a dar frutos, recentemente. O mesmo time que consegue fazer 7 dos Blackhawks e vencer os Golden Knights, apanha dos Coyotes (ao menos levou um ponto do OT, mas não é desculpa). Beauviller encaixou no time e tem sido a boa surpresa dos Isles na virada de ano. Jogos na semana: Panthers (casa), Maple Leafs (fora), Blue Jackets (casa) e Predators (casa)

20 (-3) New York Rangers (25-20-5 – 55 pontos) Momento ruim para os Rangers. Apesar de fechar a primeira metade do campeonato com vitória, ela veio após três derrotas seguidas. A eficiência simplesmente sumiu e sua defesa, que chegou a ser top-10, hoje aparece em 21º (151 gols sofridos). Jogos na semana: Maple Leafs (casa), Predators (fora) e Stars (fora)

19 (+3) Philadelphia Flyers (24-17-8 – 56 pontos) A casa foi arrumada e os Flyers estão voando (não foi intencional o trocadilho) em janeiro. Apesar de levar 5 no último jogo, Phila vinha de 4 vitórias seguidas, tanto que já aparece no bolo na briga por vaga nos playoffs. Será que agora vai? Jogos da semana: Capitals (fora), Devils (fora), Senators (casa) e Hurricanes (fora)

philla

18 (-8) New Jersey Devils (24-16-8 – 56 pontos) Uma maré de azar (ou zica do Silva, deixo para reflexão) que não tem fim. NJ não ganha desde o dia 18 (só 2 vitórias em 10 jogos no mês de janeiro até aqui) e nos últimos quatro jogos, o ataque passou em branco por duas oportunidades. Ainda iria aos playoffs porque ninguém quer ir. Uma vaga que vai cair no colo. Jogos da semana: Sabres (fora), Flyers (casa), Penguins (casa) e Senators (fora)

17 (+2) Pittsburgh Penguins (27-21-3 – 57 pontos) Depois de muita turbulência, os Pens encontram seu caminho e voltaram aos trilhos. Se vai ser um tarefa tranquila até abril, só Deus sabe. Com o Leste nivelado na parte intermediária, qualquer coisa pode mudar até lá. Mas de uma coisa é certa: respeitem o atual bi-campeão. Jogos na semana: Sharks (casa), Capitals (casa), Devils (fora) e Golden Knights (casa)

16 (+2) Anaheim Ducks (24-17-9 – 57 pontos) Anaheim segue no bolo por playoffs. São quatro times empatados com 57 pontos (o oitavo colocado entre eles). A expectativa é com John Gibson, que lesionou a perna e espera voltar ao rink o quanto antes. O momento é favorável. Jogos na semana (todos fora): Bruins, Senators, Canadiens, Maple Leafs e Sabres

USP NHL: ANAHEIM DUCKS AT ARIZONA COYOTES S HKN USA AZ

Fechando o ranking

15 (-) Columbus Blue Jackets (27-19-3 – 57 pontos) Aproveita que ninguém quer a vaga e deslancha

14 (-) Minnesota Wild (26-18-5 – 57 pontos) Só esperando um vacilo

13 (-) Los Angeles Kings (26-18-5 – 57 pontos) Falando em vacilos, esse time já ultrapassou a cota

12 (+4) Colorado Avalanche (27-18-3 – 57 pontos) A zica do Silva não falha

11 (-) Calgary Flames (25-16-8 – 58 pontos) Em um relacionamento sério com o overtime

10 (-1) San Jose Sharks (26-15-7 – 59 pontos) Tem um pouco de fôlego

9 (-1) Dallas Stars (28-18-4 – 60 pontos) A gordura está um pouco maior

8 (+4) Toronto Maple Leafs (28-18-5 – 61 pontos) As broncas, enfim, surtiram efeito

7 (-) St. Louis Blues (30-18-3 – 63 pontos) Gostou tanto do 7 que não sai mais do lugar

6 (-3) Washington Capitals (29-15-5 – 63 pontos) Acidente de percurso acontece com qualquer equipe

5 (-) Nashville Predators (29-11-7 – 65 pontos) Só uma tragédia nível “Once Caldas 2011” tira os Preds dos playoffs

4 (-) Winnipeg Jets (29-13-8 – 66 pontos) Igual os Preds, mas no caso dos canadenses é nível “Flamengo 2008”

3 (+3) Boston Bruins (29-10-8 – 66 pontos) A última vez que o Bruins não deixou o gelo sem um ponto conquistado, Tim Thomas era rookie

2 (-) Las Vegas Golden Knights (32-12-4 – 68 pontos) Era para estar melhor se não tropeçasse com as próprias pernas

1 (-) Tampa Bay Lightning (34-12-3 – 71 pontos) Ainda não vê ninguém a frente, mas seu retrovisor já não está tão vazio

 

Vitor @Chaveatle, aficcionado em espores em geral e especialista em Power Rankings, escreve especialmente para o blog Major Sports

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s