basketball

NBA Power Ranking – 06/02

Salve galera!!!! Power Ranking chegando e estamos perto da trade deadline. Times subindo, outros em queda… Até o All-Star Weekend, muita água vai rolar. Segue a lista:

920x920

1 (-) Golden State Warriors (41-12)
Golden State segue sem ser incomodado, mesmo com mais jogos realizados que o Rockets, segundo colocado no Oeste, e com uma semana sem nada de excepcional. Expectativa maior foi com a notícia que, se tiver espaço no cap, LeBron James pode se juntar a Dub Nation!!! Será?
Jogos na semana: Thunder (casa), Mavericks (casa), Spurs (casa), Suns (casa) e Trail Blazers (fora)

2 (-) Houston Rockets (38-13)
Desde a volta de James Harden foram 8 jogos e 7 vitórias. A distância para SA segue boa e não deve ser ameaçado até o final. Enquanto o Barba continuar fazendo suas ‘mitagens’, os seus donos no Fantasy dão sorrisos de orelha a orelha.
Jogos na semana: Nets (fora), Heat (fora), Nuggets (casa), Mavericks (casa), Timberwolves (fora) e Kings (casa)

3 (-) Boston Celtics (39-15)
No Kyrie? No problem! Boston segue enfileirando vitórias, algumas com certa emoção como a última contra Portland. A chegada de Greg Monroe vai agregar muito, especialmente no garrafão, onde pode melhorar mais (44.5 rebotes – 8º da NBA).
Jogos na semana: Raptors (fora), Wizards (fora), Pacers (casa), Cavaliers (casa) e Clippers (casa)

4 (-) Toronto Raptors (36-16) Nada a acrescentar. Toronto não deixa Boston desgarrar na liderança, mas abre 5.5 jogos de diferença para os Cavaliers, terceiro no Leste. Time ajeitado e cumprindo com o que se era esperado.
Jogos na semana: Celtics (casa), Knicks (casa), Hornets (fora), Heat (casa) e Bulls (fora)

5 (-) San Antonio Spurs (34-21)
Dessa vez não deu para a defesa texana parar os fortes ataques de Rockets e Jazz (?). SA não deve ter problemas mais graves que os tirem da pós-temporada. Enquanto Kawhi não volta, bola no LaMarcão!
Jogos da semana (todos fora): Suns, Warriors, Jazz e Nuggets

6 (-) Minnesota Timberwolves (34-22)
O mando de quadra é real. Minnesota vem se firmando entre os melhores do Oeste e a volta aos playoffs após 14 anos fora está mais do que certa. Isso se os jogadores não estourarem de tanto que ficam em quadra (ah, Thibs…). – Jogos na semana: Cavaliers (fora), Bulls (fora), Kings (casa), Rockets (casa) e Lakers (casa)

7 (-) Cleveland Cavaliers (30-21)
Uma mar sem fim de coisa ruim. É Kevin Love com a mão fraturada, time sendo surrado em rede nacional a ponto de LeBron vir a público pedir para as emissoras não transmitirem mais os jogos do Cavaliers para toda a nação americana por não estarem jogando bem. A atitude é louvável. Vem DeAndre Jordan?
Jogos na semana: Magic (fora), Timberwolves (casa), Hawks (fora), Celtics (fora) e Thunder (fora)

washinton

8 (+2) Washington Wizards (31-22)
Para quem pensava que a perda do Wall seria o início da queda, o time da capital (acredite) não perdeu mais. São cinco vitórias seguidas, sendo uma delas quebrando a sequência do OKC. Há vida em Washington.
Jogos da semana: 76ers (fora), Celtics (casa), Bulls (fora) e Knicks (fora)

9 (+3) Milwaukee Bucks (29-23) A ‘invencibilidade’ de Jay Tiriano caiu. Mas Milwaukee está em alta. O time melhorou defensivamente (11º-104.9 pontos cedidos por jogo) e ainda teve a volta de Jabari Parker, uma das peças principais dos Bucks. O susto dado pelo Grego no domingo não passou disso. Olho neles pós-ASG.
Jogos na semana: Knicks (fora), Heat (fora), Magic (fora), Hawks (casa) e Nuggets (casa)

bucks

10 (-2) Oklahoma City Thunder (30-24)
Perdeu a sequência positiva e ‘esqueceu’ como se ganha os jogos. Quatro derrotas seguidas no momento que poderia se afirmar no top-4 do Oeste e sair do bolo intermediário, onde a disputa está acirrada. Mesmo com o momento ruim, a retomada do Thunder é um ponto a ser comemorado.
Jogos na semana: Warriors (fora), Lakers (fora), Grizzlies (casa), Cavaliers (casa) e Grizzlies (fora)

11 (+2) Indiana Pacers (30-25)
A prova de fogo virá: Darren Collison operou o joelho (artroscopia) e ficará de duas a três semanas fora. Pode esperar mais jogo em Oladipo e Sabonis. E a chance de Joe Young (que foi bem mesmo na derrota contra os Wizards) ter mais espaço no time, já que Cory Joseph alterna altos e baixos.
Jogos na semana: Pelicans (fora), Celtics (fora), Knicks (casa) e Nets (fora)

12 (+4) Denver Nuggets (29-25) Perdeu Mason Plumlee (logo na indicação do Fantasy…) e venceu três das quatro partidas que disputou (incluindo uma vitória sobre os Warriors). Will Barton voltou a jogar bem depois do início muito bom de temporada e, segundo ele, Denver pode bater GS em uma melhor de 7. Tenha muita fé, amigo. Vai precisar. (Na semana: 17.8 pontos, 4.0 rebotes, 4.5 assistências, 2.0 roubos de bola e aproveitamento acima de 50% nos arremessos de quadra) – Jogos na semana: Rockets (fora), Suns (fora), Spurs (casa) e Bucks (fora)

nuggets

13 (-2) Portland Trail Blazers (29-25) – Após a partida história de CJ McCollum (28 no primeiro quarto contra o Bulls – recorde da franquia), três derrotas seguidas (e levando 130 dos Raptors!). Vai ser com emoção no Oregon – Jogos na semana: Hornets (casa), Kings (fora), Jazz (casa) e Warriors (casa)

14 (-5) Miami Heat (29-25) Quatro derrotas seguidas e Miami cai na tabela. Além da fase negativa em quadra, o time ainda pode perder um de seus melhores jogadores com uma lesão no ombro (que ironia, Olynyk). Única boa notícia é a ida de Goran Dragic ao All-Star Game. – Jogos na semana: Rockets (casa), Bucks (casa), Raptors (fora) e 76ers (fora)

15 (-1) New Orleans Pelicans (28-25) Efeito Cousins: cinco jogos e quatro derrotas sem o pivô. Nikola Mirotic chegou, estreou bem, mas sem Cousins a diferença é brutal. Até Rajon Rondo está se soltando mais no ataque. Que o Monocelha não se lesione, senão é fim de temporada (e o que o torcedor do Bulls vai ‘comemorar’ com uma escolha mais alta no Draft – mas se for top-5, já era). – Jogos na semana: Pacers (casa), 76ers (fora), Nets (fora), Pistons (fora) e Lakers (casa)

Fechando o ranking

16 (+1) Los Angeles Clippers (27-25) Tobias Harris chegou chegando!

17 (-2) Philadelphia 76ers (25-25) 1-2 após o retorno de J.J. Redick

18 (-) Detroit Pistons (26-26) Você sabia? Blake Griffin nunca perdeu jogando pelos Pistons

19 (+1) Utah Jazz (25-28) Jazz é o som do momento na NBA (nota do editor: Ba dun Tss!)

jazz

20 (+1) Charlotte Hornets (23-30) E nada de um All-Star por Kemba Walker

21 (-2) New York Knicks (23-31) Alguém interessado no Hernangoméz?

22 (-) Los Angeles Lakers (21-31) E ainda não voltou o menino Lonzo, hein…

23 (+2) Brooklyn Nets (19-35) Pivô com cabelo black power e jogando bem no início da carreira… (os das antigas entenderão a referência)

24 (-1) Memphis Grizzlies (18-34) Acaba logo, temporada!

25 (-1) Chicago Bulls (18-35) Vitória é uma palavra que sumiu do vocabulário do clube nas últimas semanas

26 (+1) Phoenix Suns (18-36) Brilha, Josh Jackson!

27 (-) Sacramento Kings (17-36) Sofrível

28 (-) Dallas Mavericks (17-37) E ainda sem o Barnes…

29 (+1) Orlando Magic (16-36) Vucevic perto de voltar! Ao menos uma boa nova

30 (-1) Atlanta Hawks (16-37) Liquidação: todos os jogadores (menos o Collins) para trocas. É até dia 08! Não perca!

Vitor @chaveatle Silva é títular do #PowerRanking NBA, mas está em “probacion” devido umas piadinhas aí… Ainda assim, escreve para o blog Major Sports!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s