Copa do mundo

Vida de Torcedor – Fifa World Football Museum

20180311_152541

Salve galera que acompanha as nossas loucuras aqui no Major Sports Blog.

Algumas semanas atrás recebi um convite do meu chefe para participar de uma semana de trabalho na Matriz da empresa em que trabalho que fica em Zurique na gelada Suíça.

Logo que confirmaram a minha viagem pensei em 3 coisas: o que fazer em Zurique fora do horário de trabalho, onde comprar chocolates e onde fica o museu da FIFA? =)

Bom… nem preciso dizer que a paixão pelos esportes me fez, já no meu primeiro dia em Zurique, correr atrás de visitar o Museu da entidade patrona do esporte mais popular do planeta.

Após um delicioso (acreditem em mim) almoço em um ótimo restaurante vegetariano patrocinado por um dos grandes executivos da empresa, partimos eu e outro brasileiro em busca do tal museu.

Ligamos o “Google Maps” e saímos andando pela cidade… acredite… sim, é possível andar na rua olhando o celular, sem medo… reconheço que já tinha até esquecido dessa sensação rsrs

Decidimos caminhar até o museu, pois, além de próximo, já havíamos nos perdido no eficiente transporte público de Zurique na tentativa de chegar até o restaurante do almoço. É uma malha muito bem definida e construída, composta por Trams (os modernos “bondinhos”), Trens e Ônibus.

(Faço um parêntesis para deixar uma dica para quem quiser conhecer Zurich nas férias: Você pode comprar um ticket de 1h de transporte público, não importando qual deles você vai usar, por CHF$ 4,40 (R$ 17) ou um ticket de 24h que custa CHF$ 8,80 (R$ 34).
O detalhe é: você pode comprar os tickets a qualquer momento nos pontos de ônibus, pois há em cada um deles uma máquina que emite e valida bilhetes e ainda aceita cartão de crédito.
Outro detalhe importante: ninguém nos transportes públicos entra sem ter um bilhete válido e aparentemente não há fiscalização, somente uma notificação de multa caso você seja abordado dentro de qualquer meio de transporte e não tenha um bilhete válido. Fica ai a dica de civilidade e educação do povo Suíço que respeita as leis, valoriza o transporte de muita qualidade e principalmente, é educado ao extremo. #FicaADicaBrasil)

20180311_152251

Enfim, chegamos em frente à estação de trem Bahnhof Zurich Enge, onde o mapa dizia que havíamos chegado mas não encontramos o tal museu… até que resolvemos olhar para cima e vimos escrito bem grande “Fifa World Football Museum”!!! (Sim, por que futebol raiz é Football e não Soccer #ChupaAntis)

20180311_152439

É o seguinte ali, são 3 andares dedicados ao futebol, passando pelas federações, pela história das copas e sobre o lado entretenimento do futebol.

Entramos no Museu e de cara já vem a primeira experiência: CHF$ 24,00 por adulto (R$ 93,12), o que para nós eternos emergentes, custa uma fortuna para visitar um museu… Ainda mais pra nós que temos um ótimo museu do futebol nas arquibancadas do saudoso Estádio do Pacaembú que em algumas datas é free, por esse valor tinha que ser “O” Museu.

20180311_153429.jpg

No Térreo, demos de cara com a história da FIFA em um mural que destaca todos os presidentes e datas importantes para a federação. No centro do andar, um painel com todas as camisas das federações filiadas à FIFA, um espetáculo de cores e camisas.

Em volta disso tudo, painéis em alta definição dão a sensação de que você está pisando no gramado, na linha lateral, como se estivesse assistindo a um treino… muito realista!

20180311_153042.jpg

Chegando ao final do andar, uma escadaria descendo, nos levando ao subsolo, acompanhados de diversas palavras relacionadas ao futebol…

20180311_153648.jpg

Ali demos de cara com um mural histórico: Momentos históricos da FIFA, como uma réplica da taça Jules Rimet ainda com a base original, menor, junto das medalhas de todos os torneios organizados pela entidade expostos em uma vitrine externa,  guardavam o principal artigo histórico: o Estatuto de Fundação da FIFA!

20180311_153833

20180311_154024.jpg

20180311_153912.jpg

No salão ao lado, um festival da Copa do Mundo! Todas as Copas ali representadas por um painel com objetos daquele evento como uma camisa de destaque, objetos da época que marcaram algum momento ou mesmo um atleta e outros destaques. Ao lado um vídeo contando o que acontecia no mundo naquele ano.

20180311_154055.jpg

Foi muito interessante ver que no painel da Copa de 1938 há uma barra de chocolate “Diamante Negro” da época (dá para ver pela embalagem) fazendo referência ao nosso querido Leônidas da Silva, craque da Seleção Canarinho e do meu São Paulo FC, que foi o artilheiro daquela copa, ao lado da camisa da bi-campeã Itália.

20180311_154854

Também, tristemente no painel da Copa de 1950 há uma camisa do Uruguaio Omar Rodriguez, camisa 9 na ocasião.

20180311_154949.jpg

Uma viagem no tempo, mostrando os destaques de cada mundial, inclusive dos mundiais femininos. Sim, há uma camisa da nossa Marta no painel do Mundial de 2015 no Canadá.

20180311_154250.jpg

Havia ainda muitos painéis interativos, fotos interativas, coleções de camisas utilizadas nos jogos, todas as bolas utilizadas nas Copas e brinquedos com os mascotes, mas o que mais me chamou a atenção foi um painel no centro do andar que continha o nome de todos os jogadores campeões mundiais e um furo ao lado de cada nome. Alguns dos nomes continham uma especie de “pin”… quando olhei para o painel exatamente abaixo percebi que os tais “pins” na verdade significavam o autógrafo de cada jogador que assinou o painel! Obviamente fui checar os mundiais do Brasil e descobri como o Cafú foi grande… ele tinha duas assinaturas no painel.

(assinaturas de Cafú em 1994 e 2002 e Paulo Sergio em 1994)

Ao final do andar, além de já contar com espaço para os mundiais da Russia e do Qatar, ainda estão espalhados ali pra você experimentar a sensação, assentos de vários estádios do mundo. Encontrei ali alguns do Brasil como o Maracanã e a Arena da Baixada, mas também os internacionais e um par de assentos em especial estava em uma redoma: assentos do antigo Wembley! Um espetáculo de Museu!

20180311_155931

Pra finalizar o andar, era preciso entrar em uma sala de cinema… o filme exibido foi um mix de momentos de partidas da Copa do Mundo em formato de uma partida, com imagens de times entrando em campo, lances e gols históricos, tudo regado a um som impressionante, fazendo você se sentir em um estádio. (sensação diferente àquela sala das torcidas no nosso museu do futebol, mas também muito bom!)

Pegamos então um elevador para o 1.º andar… local da… Diversão! =)

Ali encontramos inicialmente um espaço recreativo para as crianças desenharem e colarem imagens relacionadas ao futebol, criar cartazes, como esse de um brasileirinho tricolor que sonhou com o Ibra no São Paulo rsrs quem dera…

20180311_161547.jpg

E um pouco mais a frente jogos interativos, como um desafio de habilidades, um “tiro ao alvo” com os pés e até um “pinball”. Notei homens virando crianças e crianças mostrando as habilidades.

Ainda no primeiro andar, mais duas atrações interessantes: vários tipos de brinquedos cujo tema era o futebol, passando dos tabuleiros até um PS4 com o Fifa 18…

20180311_163621

…e algumas poltronas multimídia com todas as trilhas sonoras das copas. O conceito é espetacular, mas é complicado sentar ali pra ouvir “Waka-Waka” e “La Copa de La Vida” rsrs

20180311_163833

Ao final, como em todos os museus e parques temáticos, uma lojinha de souvenires… foi o momento em que lembramos novamente que somos de um país pobre, “emergente” e de terceiro mundo… um ímã de geladeira custava CHF$ 9,00 (R$ 35,00!!!)… comprei com dor no coração e uma facada no bolso (rsrs), mas feliz, pois, estou ampliando a minha coleção já que gosto de registrar as minhas viagens dessa forma.

Bom, resumindo, é um baita museu!! Ficará na minha memória ter pisado em mais um espaço com tanta história do futebol mundial. Ver a camisa do Just Fontaine usada na Copa de 1958 quando ele marcou os imbatíveis 13 gols e um ingresso para a final no Maracanã em 1950 são impagáveis!

20180311_154954

Para não deixar de ser, não podemos deixar um texto lindo sem um momento “corneta”: Não havia NENHUMA referência ao Mundial de Clubes, o que só demonstra que nós Brasileiros somos é muito chatos e gostamos de discutir por qualquer coisa, ou seja, pouco importa se o titulo veio do Jornal Nacional, do Torneio de Verão ou da Copa Jipe, a FIFA não está nem ai pra que clube ganhou ou não mundial de clubes, o que importa são seleções!

Finalmente, para quem curte história e esporte está mais que recomendado o bom museu do futebol da FIFA.

Ricardo “Nozu” é um apaixonado por esportes, é editor do MajorCast e colabora exclusivamente para o Major Sports Blog

#Sports4Life

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s