esporte

NHL – Prévia dos Playoffs 2018

Agora é para valer! Que comecem os jogos. Dos 31, 16 ainda mantém vivos o sonho da tão almejada Stanley Cup. E aqui, uma prévia da primeira rodada dos playoffs em ambas as conferências. Let’s do, this!

Conferência Oeste – Divisão Central

(1) Nashville Predators x (WC2) Colorado Avalanche (na temporada regular, NSH venceu os quatro jogos)

predsO melhor time da NHL até o momento contra a surpresa do ano. Nashville chega como o favorito da série (além do resultado na série entre ambos) e também por contar com ataque e principalmente defesa muito fortes. Com grande destaque para Pekka Rinne, que precisa levar as atuações brilhantes para a fase derradeira. Do lado dos Av’s, o franco atirador vai para chocar o mundo mais uma vez. Mesmo conseguindo a vaga no último dia, vai ter que se desdobrar para conseguir ir longe na pós-temporada. Como é um time jovem, a experiência é o que contará para os próximos anos.

Calculadoras apontam: Preds 4-2

(2) Winnipeg Jets x (3) Minnesota Wild (na temporada regular, WPG venceu a série por 3-1)

jetsDesde 2000 na NHL, é apenas a terceira vez que Winnipeg se classifica para a pós-temporada (é o antigo Atlanta Thrashers). A melhor equipe dos Jets já formada terá que acabar com um tabu de nunca ter avançado para a segunda rodada dos playoffs. Dos times, aparece no top-5 de ataque (o segundo melhor) e defesa. Minnesota chegou e em termos de playoff tem mais rodagem que os canadenses, o que pode pesar em uma série de 7 jogos. Mas a cada ano que passa, o time não consegue avançar para as fases derradeiras, sendo eliminado na primeira rodada por dois anos seguidos. Série dos tabus, onde Winnipeg é favorito.

Calculadoras apontam: Jets 4-3

Conferência Oeste – Divisão Pacífico

(1) Las Vegas Golden Knights x (WC1) Los Angeles Kings (na temporada regular, série empatada em 2-2)

vegasO novato contra o cascudo LA Kings. Vegas é o time do ano pelo que fez até aqui, mas agora é onde o bicho pega. O Gold and Bold vai ter que contar com o seu forte ataque (o #4 da NHL) para furar nada menos que a melhor defesa da liga. LA oscilou e não fosse o ótimo mês de março, poderia ter ficado fora pelo segundo ano seguido. O rodado elenco com Quick, Carter, Doughty e cia são perigosos em playoffs e não custa lembrar: esse time já ganhou SC passando como #8 seed e também já virou um 0-3 em uma melhor de 7. Não será tarefa fácil para ambos os lados.

Calculadoras apontam: Kings 4-3

(2) Anaheim Ducks x (3) San Jose Sharks (na temporada regular, SJS venceu a série por 3-1)

ducksUm duelo que promete ser bem equilibrado entre os times da Califórnia. Anaheim, que gosta de um OT, tenta chegar a final da NHL desde 2007, onde foi campeão. Bateu na trave em dois dos últimos três anos, alcançando a final da conferência e conta com uma das 5 melhores defesas da liga na temporada regular. SJ, que foi vice-campeão há dois anos, precisa contar com a sorte para não sofrer com mais lesões. Sem Joe Thornton, o time será bem dependente do Logan Couture, o melhor dos Sharks até aqui. Com um time saudável, os tubarões podem aprontar. Fora isso, Anaheim tem mais chances de avançar.

Calculadoras apontam: Ducks 4-1

Conferência Leste – Divisão Atlântico

(1) Tampa Bay Lightning x (WC2) New Jersey Devils* (na temporada regular, NJ venceu os três jogos)

botsFoi o time a ser batido por muito tempo na temporada, mas caiu de produção a ponto de perder o Presidents Trophy, que era dado como certo. Os Bolts, dono do melhor ataque, terá uma tarefa que no papel é tranquila contra um adversário que não tem um elenco recheado de grandes talentos e que se classificou na reta final da temporada. O único problema é que o jogo dos Devils encaixa contra TB, mostrando ser a sua verdadeira pedra no sapato. Para NJ, é contar com mais atuações gigantes de Taylor Hall, que será uma das peças chave para o time de NY. Nos números, não chama a atenção. Mas diz a filosofia que “números são que nem bíquini: mostram tudo, menos o que interessa”. (Filosofia de boteco aprovada pela diretoria)

Calculadoras apontam: Bolts 4-2

(2) Boston Bruins x (3) Toronto Maple Leafs (na temporada regular, TOR venceu a série por 3-1)

bruinsDe capenga a um ponto de ficar com o mando da conferência. Boston arrancou de maneira espetacular e só dependia de si para ser o #1, mas caiu no momento decisivo. Contra Toronto, será um duelo literalmente de ataque canadense (#2 da NHL) x defesa americana (#3 da NHL). Será o primeiro playoff da carreira de Auston Matthews, e de um jovem e promissor Maple Leafs que estará na mesma situação dos Av’s. Com nada a perder e um jejum enorme para tirar das costas, Toronto vai para apagar sua última aparição em pós-temporada, perdendo um jogo 7 que estava na mão contra esse mesmo Bruins.

Calculadoras apontam: Bruins 4-2 – *New Jersey não é desta divisão, mas jogará devido aos cruzamentos das chaves

Conferência Leste – Divisão Metropolitana

(1) Washington Capitals x (WC1) Columbus Blue Jackets (na temporada regular, WSH venceu por 3-1)

capitalsTitubeou, mas levou a divisão. A parada não será fácil, pois Columbus tem um bom time e está em ótima fase desde março, onde se recuperou e ganhou a vaga nos playoffs. Mesmo com vantagem devido aos confrontos, o time terá que apagar as más atuações de sua defesa. Em especial Braden Holtby, que está em má fase. O time do canhão vai precisar do russo Panarin para conseguir algo na série. Se Holtby está ruim de um lado, Wennberg é a decepção do outro. Que a pós-temporada dê o gás que ambos necessitam, pois eles tem potencial.

Calculadoras apontam: Caps 4-1

(2) Pittsburgh Penguins x (3) Philadelphia Flyers (na temporada regular, PIT venceu os quatro jogos)

penguinsE fechando com o clássico da Pensilvânia. Pittsburgh demorou, mas quando engrenou conseguiu se classificar. O atual bicampeão vai com seu famoso arsenal ofensivo: Crosby, Kessel, Malkin e Brassard (o último incerto para o jogo 1). E ainda contam com a varrida no outro time da cidade. Os Flyers cresceram no decorrer do campeonato e apostam suas fichas no trio Giroux-Couturier-Voracek para bater os Pens. A defesa de Pitts pode ser o calcanhar de Aquiles do time caso a série ganhe outros contornos.

Calculadoras apontam: Penguins 4-0

 

Vitor @Chaveatle Silva foi o responsável pela série de Power Ranking no BLOG MAJOR SPORTS durante a temporada e ninguém melhor do que ele pra trazer a análise desses confrontos, vamos ver se ele é bom de apostas.

Categorias:esporte, hóquei, hockey, nhl, sports

Marcado como:, , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s