baseball

Fantasia No Ar #22 – Trade Deadline 2018 da vida real no jogo

Amigos viciados em Fantasy. Como já visto e informado aqui no MSB, aconteceram as trocas na MLB (non-waiver deadline) antes de seu fechamento no último dia 31. Este texto é voltado para esses jogadores e como estas trocas podem influenciar no game. Então, atenção e Simbora:

Os vencedores

dozier(Brian Dozier já bateu 2 Home Runs pelos Dodgers)

Bom… A lista dos postulantes a reviravolta é boa. Começando, assim como no texto anterior, por Chris Archer. Um arremessador de muitos strikeouts, mas que no ano sofreu com o controle dos seus arremessos e sua qualidade foi questionada. Vale a lembrança que o antigo camisa #22 de Tampa Bay vai para a terra onde até Ivan Nova se reinventou, A.J. Burnett virou um pitcher dominante e a garotada crescendo, em especial Jameson Taillon. Não se preocupe, as chances de Archer ter uma melhora em Pittsburgh é enorme.

Outro que entra nesse rol é Jonathan Schoop (que já foi citado no texto anterior). Além de ganhar um slot de SS em breve (posição que jogará em Milwaukee), vai para um time que briga por playoff e tem muita gente boa ao lado. O seu número de RBI e corridas anotadas vai aumentar. Fique de olho!

O terceiro é Brian Dozier. Foi para um time com poderio ofensivo alto e muita gente de peso para ajudar como Max Muncy, Cody Bellinger, Manny Machado, Justin Turner, Matt Kemp e cia. Ao contrário de Schoop, não passará por mudança de posição.

E aqui vai uma menção a Wilson Ramos. Um dos melhores catchers da liga (e um jogador que não tem a atenção que merece pelo o que joga), vai para os Phillies assumir a condição de catcher principal e com uma molecada jovem que está fazendo uma grande temporada. Só precisa se manter saudável.

O Pulo do Gato

eovaldi(Nathan Eovaldi arremessando pelos RedSox)

Aqui é para aqueles que não se dão o devido valor, mas podem surpreender nestes dois meses restantes de liga, começando por Kevin Gausman. Não precisa dizer que estou ficando maluco (talvez esteja), mas não consigo chegar a uma conclusão precisa de que Gausy em Atlanta vai dar errado. Ele tem muito talento e uma mudança de ares pode fazer com que justifique tamanha expectativa desde que foi draftado pelos O’s. Lembram do Arrieta?

O segundo também é arremessador e pode ter cavado uma vaga na rotação pelo conjunto da obra: Lance Lynn. Quem acompanhou o jogo entre Yankees e Orioles na tarde de quarta-feira vai entender. Para quem não viu, isso vai resumir: Sonny Gray saiu vaiado após outra partida tenebrosa contra o pior time da liga em 2018 e ficou dando sorrisos irônicos, flagrados pelas câmeras. Lynn entrou, jogou 4.1 entradas e não deu margem de perigo. Aaron Boone já deu a entender que a vaga de Gray na rotação pode ser repensada. E Lynn é o favorito para o seu lugar. Fique atento.

Esse é mais pelo que pode produzir provando o seu valor em outra equipe: Tommy Pham. O ex-Cardinals queria ser valorizado pelo seu antigo time, mas não teve seu pedido atendido. Trocado, pode ter a motivação que falta para mostrar que St. Louis estava errado ao liberá-lo para os Rays. Pham entrou na lista de lesionados, mas deve retornar em breve

Com Chris Sale na DL e uma estreia forte, Nathan Eovaldi também entra nesta lista. Boston jogando muito e diminuindo os defeitos de sua rotação, os starters terão run support por muito tempo. Eovaldi tem talento e num time badalado e motivado (ele foi um Yankee), vai crescer. E como tudo anda bem nos Red Sox, Ian Kinsler também pode ter seu jogo melhorado.

Não crie tantas expectativas

osuna

E essa seção é para quem foi trocado para complemento de uma equipe. Se está esperando que Leonys Martin e Cameron Maybin sejam a salvação da lavoura, coloque as coisas em ordem pois não será assim que a banda toca. Raro um ou outro stat precioso para ligas específicas, eles não farão nada extraordinário em seus novos clubes.

Os relievers em questão, a exceção de Darren O’Day, não chegam para serem o setup ou closer de suas novas equipes (Keone Kela pode ser o único a fugir da regra). Entrarão em situações de jogo corriqueiras e nada fugindo muito disso. Seja John Axford, Brad Ziegler… Enfim. Só em caso de alguma pontuação escassa que sua equipe precise. Caso contrário, torça para a bomba não estourar na sua mão.

Um exemplo para ficar de olho é Roberto Osuna, trocado para o Houston Astros. Ainda tem que cumprir suspensão imposta pela MLB por violência doméstica e só deve estrear no final deste mês. Para 2019, dependendo do que mostrar, pode ser confiável. Mas para agora, apenas deixe no radar.

Para salvar sua semana

odor

Starter pitcher (Carlos Rodon – Chicago White Sox)
Merece um voto de confiança pelos últimos quatro jogos (2-0, 28.2 IP, 6 ER, 12 BB e 27 K). Livre das lesões, é uma boa alternativa para quem procura por starters para completar a rotação para a rodada. Projetado para enfrentar o Tampa Bay Rays, no sábado, em casa.

Reliever pitcher (Wily Peralta – Kansas City Royals)
Virou o closer por necessidade em KC, e vem desempenhando bom papel com 4 saves nas últimas 5 aparições e apenas uma corrida cedida neste intervalo. Os Royals tem dois duelos locais contra White Sox e Twins, ambos fora de casa.

Hitter (Rougned Odor – Texas Rangers)
Esse é mais pelo duelo em si. Texas recebe os Orioles em série de quatro jogos em casa e Odor vem de ótimo momento, com direito até a uma partida 5-5 no bastão contra o Houston Astros. Se precisa estourar no seu confronto…

Momento ‘quem inventa é o inventor’

herrera

Starter pitcher (Jordan Zimmermann – Detroit Tigers)
Deu flashes do antigo Zimmermann, mas não se iluda. O arremessador de Motor City é uma bomba relógio e bastante perigoso para quem arriscar. Está projetado para enfrentar o Oakland Athletics, fora de casa, no sábado.

Reliever pitcher (Kelvin Herrera – Washington Nationals)
Com as saídas de Kintzler e Shawn Kelley, Herrera finalmente ganhou espaço no time da capital… E parou por aí. Desde que foi para Washington, seu jogo simplesmente minguou (1-1, 4.30 ERA, 7 BB, 13 K e 4 HRs cedidos). Não passa confiança alguma.

Hitter (Paul DeJong – St. Louis Cardinals)
Por ter slot de jogadores que não são fáceis de achar (2B e SS), seja longânimo pelo seu momento ruim (5-21 e apenas uma corrida anotada em 6 jogos). Paciência é uma virtude da vida.

Are you ready for football?

Está chegando a hora! Essa é para aqueles que jogam o fantasy mais maluco de todos! Venho por esta anunciar que eu, Vitor, junto com o mestre Caio ‘Bahea’ Fillipi, faremos um post especial sobre o fantasy da NFL para daqui a duas semanas!

No texto terá: dicas de draft, sleepers que podem aprontar e a cada semana um ‘time ideal’ para ajudar na briga ou surpreender a geral!

 

Semana que vem, sem falta, as ligas com autorização de imagens pelo MSB.

And that ball is gone!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s