especial

Jacksonville JAGUARS: Na rota pra glória!

Resumo da última temporada

Essa eu quero ver a senhora Nasa explicar. Com exceção de Deus, ninguém (mesmo com a AFC Sul sendo uma completa bagunça) imaginava que o Jacksonville Jaguars, sem seu principal recebedor, com um QB questionável desde sempre, e uma promessa nas trincheiras, chegasse a final da AFC e ficar a uma posse de bola contra os Patriots (em Foxboro) de um inédito Super Bowl!

iNo primeiro ano completo de Mark Marrone como head coach, o time que era o sétimo pior ataque da liga (mas tinha uma defesa que ficava entre as 10 que menos cedia jardas), o time foi o quinto em pontos (417) e o sexto em jardas totais (5855). A defesa foi bastante reforçada e em anos, as contratações que os Jags fizeram surtiram efeito positivo. Jax teve só a segunda defesa que menos sofreu pontos (268) como também foi a segunda que menos cedeu jardas (4578) e também em sacks (55), tanto que se autonomeou ‘Sacksonville’, em brincadeira no Twitter.

Toda essa evolução defensiva foi liderada pelo DE Calais Campbell. Não só foi o líder do time em sacks (14.5) como forçou três fumbles e ainda anotou um TD defensivo. Campbell foi eleito o melhor jogador dos Jags pelas estatísticas avançadas (AV). Além de Campbell, outro nome que encaixou foi o seu companheiro de DL Yannick Ngakoue. Segundo em sacks (12.5) mas líder em fumbles forçados (6) e com um TD na conta.

Telvin Smith, Myles Jack, Barry Church e Tashuan Gibson combinaram para 251 tackles! O crescimento foi tamanho que nem o grande nome entre os LB, Paul Posluszny, precisou ter um grande ano ao lado de tanta boa companhia.

Se a defesa ganhou boa parte dos jogos, o ataque tem um nome em Leonard Fournette. O RB que veio no último draft não jogou a temporada toda (13 jogos) mas causou estragos passando das 1000 jardas terrestres (1040) e anotando 10 TDs (9 terrestres). O impacto no jogo corrido foi enorme, tanto que Fournette encerrou a temporada com uma média de 80 jardas terrestres por jogo.

Tanto nome assim e não vai falar do Blake Bortles? Sim, chegaremos no QB mais incompreendido da NFL. Bortles, desde que jogou as 16 partidas em uma temporada, teve seu menor número em jardas aéreas (3687) e em TDs (21). Em compensação, foi o ano em que menos foi interceptado (13) e sackado (24) sendo que teve o maior aproveitamento em acerto nos passes (60,2%). Sendo que jogou sem seu WR1, Allen Robinson, por praticamente todo o ano.

Escolhas de Draft

taven-bryan-e1531915578760Dizem que ‘a sorte costumam ajudar os competentes’. Agora lá trás no draft, poucos imaginavam que um dos melhores tackles sobraria em uma escolha #29. Deixaram ninguém menos do que o DT Taven Bryan cair no colo de um time que já tem uma defesa bastante sólida ficar ainda mais difícil de ser batida. Jogador atlético, que pode jogar em qualquer esquema de defesa (seja 4-3 ou 3-4) e bom contra o jogo corrido. Grande achado para o final da primeira rodada.

As outras escolhas:

  • J. Chark (WR – LSU)
  • Ronnie Harrison (S – Alabama)
  • Will Richardson (OT – NC State)
  • Tanner Lee (QB – Nebraska)
  • Leon Jacobs (LB – Wisconsin)
  • Logan Cooke (P – Mississippi State)

 

Contratações

G Andrew NorwellO modo ‘empolgou’ foi ligado e Jax foi na busca por reforços no ataque. Começando pelo G Andrew Norwell, ex-Carolina Panthers (U$ 66,5 milhões por 5 anos). Já acostumado com o jogo corrido de Carolina com Cam Newton, Jordan Stewart e Christian McCaffrey, será uma ótima peça para reforçar a OL e dar caminho para as corridas de Fournette.

Outras duas peças ofensivas que chegaram vem para preencher sérias lacunas deixadas no corpo de recebedores. Pode não ser as melhores do mercado, mas agregam. Começando pelo WR Donte Moncrief, que veio do rival Indianapolis Colts (U$ 9,6 milhões por 1 ano). O outro nome é o TE Austin-Seferian Jenkins, que estava no New York Jets no ano anterior (U$ 10,5 milhões por 2 anos). Ambos ainda tem lenha para queimar na liga e não deixarão Marquise Lee (renovou por U$ 34 milhões por 4 anos) sozinho contra a rapa.

Demais contratações

  • J. Hayden (CB – Indianapolis Colts) -> U$ 19 milhões por 3 anos
  • Cody Davis (FS – Los Angeles Rams) -> U$ 5,2 milhões por 2 anos
  • Niles Paul (TE – Washington Redskins) -> U$ 4,7 milhões por 2 anos
  • Don Carey (SS – Detroit Lions) -> U$ 2,4 milhões por 2 anos

Perdas

E o investimento foi grande, tendo visto que perdeu muitos nomes de ótimo calibre para a liga. O principal recebedor do time, o WR Allen Robinson, acertou com o Chicago Bears (U$ 42 milhões por 3 anos) e outro recebedor, o WR Allen Hurns, foi para o Dallas Cowboys (U$ 12 milhões por 2 anos).

Além dessas perdas, outros nomes que chamam a atenção como o CB Aaron Colvin que foi para o rival Houston Texans (U$ 34 milhões por 4 anos) e o G Patrick Omameh para o New York Giants (U$ 15 milhões por 3 anos).

Demais perdas:

  • Chad Henne (QB – Kansas City Chiefs) -> U$ 6,7 milhões por 2 anos
  • Chris Ivory (RB – Buffalo Bills) -> U$ 5,5 milhões por 2 anos
  • Marcedes Lewis (TE – Green Bay Packers) -> U$ 2,1 milhões por 1 ano

 

Destaque do Ataque

RB Leonard FournetteSe tem um nome a ser observado e que ajuda muito bem a esconder os defeitos de Blake Bortles é o RB Leonard Fournette. Não foi eleito calouro do ano por detalhes e de um Alvin Kamara que jogou muito mais. Vai para o segundo ano de NFL e será um dos jogadores mais vistos da liga.

Destaque da Defesa

Com tantos nomes fica complicado escolher um. Mas aqui não tem como fugir de Calais Campbell. Depois de anos no Arizona Cardinals, teve os melhores números da carreira em sacks no seu primeiro ano na Flórida. Com uma defesa que mostrou que está para ficar, Campbell é o primeiro da lista de alto nível dos Jags.

Perspectivas e previsão para a nova temporada

Se tratando de Jacksonville, a AFC Sul terá um trabalho complicado fora da conferência, pois terá a NFC Leste pelo caminho. Dentro da AFC, uma tabela que não ameaça em praticamente nada, fora uma ou outra exceção. Caso não aconteça um desastre e o nível seja mantido, as calculadoras apontam um 11-5 para os Jags e uma nova ida a pós-temporada, algo que não acontece por dois anos seguidos desde o final dos anos 90.

NFL: Jacksonville Jaguars at San Diego Chargers

Jacksonville Jaguars quarterback Blake Bortles (5) 

 

A série de Previews da NFL é um oferecimento do BLOG MAJOR SPORTS para todos os torcedores e amantes desse esporte maravilho! Siga nosso blog nas redes sociais:

twitter: @blogmajorsports

Facebook.com/majorsports.br

1 resposta »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.