baseball

Preview: WORLD SERIES 2018

BOSTON RED SOX X LOS ANGELES DODGERS

World Series

Após mais de 6 meses de temporada estamos chegando ao ápice do ano na MLB, conhecido como Fall Classic, a World Series.

Nesse ano temos um duelo que ocorreu pela última vez em World Series no longínquo ano de 1916. Boston Red Sox com 8 títulos e Los Angeles Dodgers com 6 títulos se enfrentam a partir dessa terça-feira dia 23/10 em série de 7 jogos. Vamos falar um pouco de como as equipes chegaram na WS:

 

Boston Red Sox

Após um 2017 com uma ótima temporada regular o Red Sox foi derrotado em 5 jogos para o time que se tornaria o campeão, o Houston Astros. Alex Cora, bench coach do Astros, foi contratado como Manager e buscaram na FA, o DH J. D. Martinez, que apesar dos números expressivos na temporada 2017, trazia um preocupante histórico de contusões na bagagem. Com uma excelente administração da rotação e um ataque empolgante, o Red Sox liderou a AL durante todo o ano, alcançando seu recorde histórico de 108 vitórias.

jd_Betts

Na ALDS teve pela frente o rival New York Yankees pela frente. Nos dois primeiros jogos em Boston, muitos sustos do bullpen do time da casa e a série empatada em 1 a 1, com bela atuação de Sale no jogo 1 e trágica de David Price no jogo 2. Com a série em NY, o manager fez ajustes no lineup e o que se viu foi um grande domínio da equipe de Boston, fechando a série em 4 jogos.

kimbrel.jpg

Na ALCS enfrentou o atual campeão Houston Astros. Nos primeiros 2 jogos em Boston, uma vitória para cada equipe, com ótima atuação de Verlander no jogo 1 e um jogo de ataque vencido pelo RedSox no jogo 2. Com a série chegando em Houston, vimos mais uma vez os ajustes de lineup mudando a cara da série, com excelentes atuações de Eovaldi e Price nos jogos 3 e 5, o Red Sox fechou a série em 5 jogos tendo como MVP o CF Jackie Bradley Jr.

 

Los Angeles Dodgers

O ano de 2017 teve um sabor final amargo com a derrota no jogo 7 da World Series para o Astros. Um grande elenco que precisava de pequenos ajustes. Perdeu Yu Darvish para a FA, fato que acabou sendo positivo já que o mesmo não arremessou esse ano. A temporada começou difícil com a contusão de Corey Seager pelo resto do ano, além de seguidas contusões de Jensen, Kershaw e Ryu. Até Junho o time tinha problemas e muitos analistas acreditando que esse ano não chegariam longe. Mas com as moves do meio da temporada adicionando os All Star Manny Machado e Brian Dozier a equipe se reencontrou, terminando a temporada empatado na liderança da Divisão Oeste da NL com o Colorado Rockies. No jogo desempate Walker Buehler dominou o poderoso ataque de Colorado, classificando a equipe para a NLDS contra o jovem time do Atlanta Braves.

kershaw.png

A série contra o Braves começou com 2 shutouts para o Dodgers sem qualquer reação do Braves. No jogo 3 em Atlanta, um duelo de ataques com direito a GS de Ronald Acuña Jr., dando sobrevida ao Braves. No jogo 4 o jogo seguia disputado até a sexta entrada quando Manny Machado bateu um HR de 3 corridas dando uma vantagem mais tranquila para o Bullpen fechar a partida, levando o Dodgers a terceira NLCS seguida.

machado.png

A NLCS teve contornos dramáticos com uma grande série entre Dodgers e Brewers. No jogo 1, a vitória do Brewers teve um fato histórico: Brandon Woodruff foi o terceiro arremessador de bullpen da história a bater HR nos playoffs. No jogo 2, vitória do Dodgers em um duelo de bullpen. No jogo 3, um shutout liderado por Chacín pelos Brewers, no jogo 4, vitória do Dodgers na décima terceira entrada e no jogo 5, outra vitória com grande atuação de Kershaw. Voltando a Milwaukee com 3 a 2 na série, o Dodgers viu Ryu ser massacrado tornando o jogo 7 uma realidade. No jogo 7, o ataque do Dodgers dominou Chacín e Jeffress carimbando o lugar dos Dodgers na World Series. Cody Bellinger foi eleito o MVP da NLCS.

crews.png

Calendário

  1. 23/10 – Fenway Park – Cris Sale vs Clayton Kershaw
  2. 24/10 – Fenway Park – David Price vs Hyun Jin-Ryu
  3. 26/10 – Dodgers Stadium – Walker Buehler vs Nathan Eovaldi
  4. 27/10 – Dodgers Stadium – Rich Hill vs Rick Porcello
  5. 28/10 – Dodgers Stadium – Ross Stripling vs Cris Sale – se necessário
  6. 30/10 – Fenway Park – David Price vs Clayton Kershaw – se necessário
  7. 31/10 – Fenway Park – Nathan Eovaldi vs Hyun Jin-Ryu – se necessário

 

Matchups da série

3 SP do Dodgers e 2 SP do Red Sox são canhotos, bons matchups contra as equipes pois nenhuma das equipes teve resultados muito bons na temporada contra canhotos. Quem souber capitalizar melhor pode ter vantagem.

Bullpen

As duas equipes não apresentaram bullpen confiáveis na temporada, no entanto tem se superado em Outubro. Por incrível que pareça os dois closers, Craig Kimbrel e Kenley Jensen, tem sido os menos confiáveis. Nas finais de conferência ambos os times usaram starters para situações emergenciais de bullpen, fato que pode se repetir na World Series. Os ataques terão que ser pacientes para forçar o adversário a usar o bullpen o mais cedo possível.

Fator jogos interligas

Alex Cora terá dois grandes desafios na série:

  • O que fazer com JD Martinez nos jogos em LA? O manager já cogita deslocar Mookie Betts para a segunda base nesses jogos (jogou nas minors) para incluir JD no lineup.
  • Como usar o bullpen e as duplas trocas nos jogos em LA? Para um treinador estreante será um desafio fazer as substituições certas sem sacrificar muito a defesa e o poder no bastão.

Dave Roberts também terá um desafio interessante:

  • Analisar bem seu lineup para as situações de DH em Boston, podendo deslocar Brian Dozier ou Joc Pederson para tal posição de acordo com o Arremessador de Boston.

Palpites dos Letrados do Major Sports Blog

  • Caio Baêa – Red Sox em 7 jogos
  • Paulo “Teclas” – Dodgers em 7 jogos
  • Silvinha Fam – Red Sox em 6 jogos
  • Guilherme Marodin – Dodgers em 5 jogos
  • Vitor Silva – Dodgers em 6 jogos
  • Rangel Silva – Dodgers em 7 jogos
  • Artur “Hermano” – Dodgers em 7 jogos
  • Michel “Zica” Almeida – Red Sox em 5 jogos
  • Rodrigo “NHL” Silva – Red Sox em 6 jogos
  • Luiz “Chef” – Red Sox em 6 jogos
  • Americo “Monstro” – Red Sox em 6 jogos
  • PH “Parmerista” – Red Sox em 5 jogos
  • Ricardo “Nozu” – Dodgers em 7 jogos

Como previsto e como toda unanimidade é burra, os palpites foram muito equilibrados e quase deu um empate. Então o Placar dos Palpites do Blog é:

Dodgers 6 x 7 Red Sox

Vamos então acompanhar o desfecho deste duelo histórico tão esperado a tantos anos pelas torcidas dos Dodgers e dos Red Sox e cornetar os nossos letrados que erraram exigindo explicações rsrsrs

Caio Baêa é letrado em MLB, estava ansioso pela World Series e colaborou com o Major Sports Blog.

Categorias:baseball, beisebol, mlb, preview

Marcado como:, , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.