basketball

Power Ranking NBA – 15/01

Cheguem mais seus “modas”! Após um período de hibernação por causa das festas e trabalhos de final de ano, nós estamos de volta com o nosso sarcástico, apimentado e cornetado PR da NBA. Lembrando a todos que as posições e resultados considerados são até o dia 13 de Janeiro.

         1 – Toronto Raptors – (33 – 12). Em uma liga como a NBA é complicado um time não ter altos e baixos, ainda mais quando perde um dos seus titulares. Mas agora com o conjunto inteiro o time dos Raptors vem com uma sequência de 5 vitórias consecutivas e um Kawhi líder do time. Ansioso para ver este time nos playoffs

         2 – Milwaukee Bucks – (30 – 12). Sabemos de todo potencial do Grego, mas particularmente eu não achava que um quinteto formado por Bledsoe, Brogdon, Middleton e Lopez fosse brigar pela liderança do leste. O time é top – 5 defesa e ataque.

         3 – Denver Nuggets – (29 – 13). E o nosso queridíssimo Nuggets tem a melhor campanha do Oeste Selvagem. Um dos times com os melhores conjuntos para se acompanhar na liga. A enfermaria por lá andou cheia, mas gregários improváveis como Malik Beasley e Monte Morris têm ajudado demais na rotação. O que falar do menino Jokic? Monstro!!!! Ps: Young assinou com os Nuggets e foi chutado com menos de 15 dias na franquia.

         4 – G.S. Warriors – (29 – 14). Enfermaria menos movimentada, KD e Green sem falar demais, pouco barulho na imprensa e o time de forma silenciosa vem subindo e se afirmando na tabela de classificação. O retorno do Cousins está muito próximo.

         5 – Indiana Pacers – (28 – 14). Nos meses de Dezembro e Janeiro o time foi um dos mais quentes da liga. 15 vitórias e 5 derrotas, sendo que em alguns jogos o time não contou com o Oladipo. O trabalho do técnico Nate McMillan é primoroso!!!

         6 – Philadelphia 76ers – (28 – 16). Não é que o Butler já está começando a falar demais por lá? Cala a boca meu filho e vai jogar a sua bolinha!

         7 – Oklahoma City Thunder – (26 – 16). Paul George está em uma das suas melhores temporadas (26,7 PPG, 8,1 RPG e 3,9 APG), time nas cabeças da Conferência Oeste, mas algo tem chamado a atenção dos basqueteiros que acompanham a NBA: o FG do Westbrook. 23% do perímetro, ou seja, 1 acerto em 4,6 tentativas de média. É muito pouco para um jogador do calibre dele. Passa a bola meu filho, chega mais próximo a cesta, mas não fica chutando feito um louco, pois do contrário não tem santo que possa de defender dos haters.

         8 – Boston Celtics – (27 – 17). Eu não consideraria essa campanha como desastrosa, mas está muito aquém de quem seria um contender na conferência Leste, ainda mais sem o LeBron por lá. Eu particularmente acho que o time vai chegar, mas o caminho tem sido mais tortuoso do que o normal. Ps: para a turma que andou falando que o Irving reclamou do Hayward, falou de crise, vamos para de especular bobagem! Foi algo do jogo, simples assim!

         9 – Portland Trail Blazers – (26 – 18). Normalmente falamos aqui da falta de ajuda ao Lillard e ao CJ, mas o que tem jogado o menino Nurkic é algo surreal!

         10 – LA Clippers – (24 – 18). Para quem disse que o time iria se acabar sem Griffin e DAJ o churrasco de língua está na mesa. Gallinari e Tobias Harris estão jogando muita bola! Lou trazendo pontos do banco de reservas. Falta um ajuste na defesa, que vem sofrendo pontos acima da média.

         11 – Houston Rockets – (24 – 18). Barba! Barba! Barba! O que o cara está jogando é algo fora do normal. Uma sequência de 15 jogos com 30 ou mais pontos. O time sem CP3 e Gordon e ele tem levado o time nas costas. Ainda tem gente dizendo que ele está jogando para inflar os números. #MeDeixeViu

         12 – San Antonio Spurs – (25 – 19). A má fase ficou no início da temporada. O gênio Pop conseguiu ajustar o time, principalmente na defesa. Falar do LaMarcus e do DeRozan é chover no molhado, mas chamo atenção para Derrick White e Forbes. Os moleques vêm jogando muito bem e contribuindo para a ascensão do time.

         13 – Miami Heat – (21 – 20). Justise Winslow meu filho, você tem jogado demais!!! Nem o mais otimista torcedor do Heat achava que ele seria o cara da franquia. Nada de Whiteside, Richardson ou Wade. Winslow é o cara!

         14 – LA Lakers – (23 – 21). Volta Papai LeBron!!!

Image result for lebron james lakers
tá fazendo falta

         15 – Utah Jazz – (23 – 21). Olho no time do menino Mitchell!!! Mesmo com a enfermaria cheia de PG’s (Rubio, Raulzinho e Exum) o time tem uma sequência de 3 vitórias. Nesses 3 jogos Mitchell fez: 33, 33 e 34 pontos

         16 – Sacramento Kings – (22 – 21). Parece que os tempos de patinho feio se foram. O Rebuild começa a mostrar resultados. Se fosse na conferência leste com certeza esse time estaria nos playoffs. No Oeste precisa de um “algo mais” para chegar lá.

         17 – Timberwolves – (21 – 22). Fim da era Thibodeau e início da era Ryan Saunders. Agora vai?

         18 – Brooklyn Nets – (21 – 23). Não é que hoje o time estaria nos playoffs?

         19 – New Orleans Pelicans – (20 – 23). Uma andorinha só não faz chover no verão. Coitado do Davis!

         20 – Dallas Mavericks – (20 – 23). Em meia temporada o time já conseguiu praticamente o mesmo número de número de vitórias que teve na temporada passada inteira. Viva Doncic!!!

         21 – Charlotte Hornets – (19 – 23). Hoje o time é oitavo colocado na conferência leste, mas as vezes dá pena em ver o Kemba jogar em um time que não vai para frente.

         22 – Memphis Grizzlies – (19 – 23). A carruagem voltou a ser abóbora.

         23 – Orlando Magic (19 – 24) – O que falar do menino Vucevic? 20,1 PPG e 11,9 RPG

Image result for Vucevic

         24 – Detroit Pistons (18 – 23). Enquanto o time não conseguir um shooter não almejará nada nada na conferência. De nada servem os números do Griffin e do Drummond.

         25 – Washington Wizards (18 – 26). Nem Beal salva! O homem está jogando demais!

26 a 30 – Hawks, Bulls, Knicks, Suns e Cavs. Aqui veremos quem será o menos incompetente e fará o melhor projeto tank em busca da Pick-1 para o draft. P.S.: as probabilidades da loteria mudam para 2019-20. Ficar com a pior campanha não significa sucesso na briga por Zion Williamson.

O Power ranking da NBA é obra dos mestres Paulo @teclasnaveia Corrêa e Vitor @chaveatle Silva, mais conhecidos como “Pick´n´roll” do @blogmajorsports ! Oloco!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.