esporte

Fantasy F1 #5 – GP DA ESPANHA

Amigos viciados em fantasy! Temporada europeia começando e algumas equipes com a água batendo na cintura com a pressão por resultados (certo, Ferrari?). Neste texto um balanço geral do game depois de quatro etapas e as projeções para o GP da Espanha neste fim de semana. Simbora!

Balanço – Quatro etapas depois…

Ponto para quem apostou alto na Mercedes. Como é de praxe, ficaria bem apertado no seu bugdet se apostar em mais de um elemento da equipe alemã. O retorno tem sido muito favorável, com quatro dobradinhas de Lewis Hamilton e Valtteri Bottas (alternando a ordem, também). Os dois pilotos tem mais pontos, sozinhos, do que a Red Bull.

Ainda no ‘ficar para trás’, Renault está sendo, de longe, o mico da temporada. Impressiona o azar da equipe francesa quem nem a ré acerta. A Haas também decepciona. E a Williams, mesmo com todos os problemas, está sendo muito decente.

Pontuação das equipes

  • Mercedes: 299 pontos
  • Ferrari: 194 pontos
  • Red Bull: 145
  • Alfa Romeo Sauber: 91 pontos
  • Racing Point: 89 pontos
  • Toro Rosso: 61 pontos
  • Williams: 54 pontos
  • McLaren: 45 pontos
  • Haas: 41 pontos
  • Renault: 40 pontos

Entre os pilotos, nada a acrescentar no top 5 (que dificilmente fugirá das duas duplas da Mercedes e Ferrari e de Max Verstappen). Kimi Raikkonen é o queridinho da geral, sendo o piloto mais selecionado em todas as etapas (e o sexto melhor pontuador). Outra surpresa no top 10 é George Russell, da Williams. Sim, você não leu errado. Larga no final do pelotão e consegue se manter na pista (não perde pontos por abandono) e termina as provas sem sustos. O caso clássico de bom e barato para os mais ousados.

Dentre a parte negativa, Pierre Gasly não é só frustrante na pista. No game, sua pontuação está abaixo de nomes como Alexander Albon (muito graças a corrida do Bahrein) e Antonio Giovinazzi. Daniel Ricciardo e Romain Grosjean estão com pontuação abaixo de 0. Isso mesmo! O mal astral do australiano na Renault é impressionante.

Pontuação dos pilotos

  • Valtteri Bottas (MER): 157 pontos
  • Lewis Hamilton (MER): 152 pontos
  • Max Verstappen (RBR): 119 pontos
  • Sebastian Vettel (FER): 108 pontos
  • Charles LeClerc (FER): 101 pontos
  • Kimi Raikkonen (ALF): 64 pontos
  • Sergio Perez (RAC): 59 pontos
  • Lance Stroll (RAC): 50 pontos
  • George Russell (WIL): 46 pontos
  • Lando Norris (MCL): 38 pontos
  • Antonio Giovinazzi (ALF): 37 pontos
  • Alexander Albon (STR): 36 pontos
  • Kevin Magnussen (HAA): 32 pontos
  • Pierre Gasly (RBR): 31 pontos
  • Robert Kubica (WIL): 28 pontos
  • Nico Hulkenberg (REN): 25 pontos
  • Carlos Sainz (MCL): 12 pontos
  • Danill Kvyat (STR): 10 pontos
  • Daniel Ricciardo (REN): -10 pontos
  • Romain Grosjean (HAA): -21 pontos

Para a Espanha

Pirelli Preview - Spanish Grand Prix

Barcelona é a pista onde os pilotos fazem a pré-temporada da categoria, então é um circuito onde pilotos e equipes mais tem familiaridade. Para a quinta etapa, a Ferrari apresentou novas atualizações para tentar diminuir o ímpeto da Mercedes. Mas até o momento em que este texto está sendo escrito, Bottas ainda está fora de alcance do time de Maranello.

Daniel Ricciardo, que conseguiu errar uma marcha a ré em Baku, vai sofrer punição. E se os treinos livres serem levados como parâmetro, a Renault ainda correrá perto do fundo do grid.

A Racing Point segue em evolução, ainda mais com o ótimo desempenho de Sergio Perez na última etapa. Pode não ser a equipe e os pilotos mais confiáveis, mas os resultados são bons para a ex-Force India.

Dica: evite Renault e Haas e aposte no carro rosa.

Lineups

Podem falar o que quiserem, mas a Arrows está sem ninguém a sua frente. O mexicano, que foi criticado por este que vos escreve, entra na equipe no lugar do australiano. O time para Barcelona será:

Bottas, Perez, Verstappen, Kubica e Raikkonen (T). Equipe: Red Bull

No Azerbaijão, acredite, a Red Baron foi a que mais pontuou! Mesmo na lanterna da trinca, vai alterar. Albon sai e entra Russell. Como diz a música, deixa os garotos brincar. Time para Barcelona:

Norris (T), Leclerc, Verstappen, Russell e Kvyat. Equipe: Mercedes

A equipe matriz vai gastar seu wildcard. O time precisava de mudanças após o fiasco da Renault. Com exceção de Hamilton, Raikkonen (ambos permanecem pelos resultados) e Hulkenberg (fazer o quê), esse é o escrete para a Espanha:

Hamilton, Raikkonen, Stroll, Sainz (T) e Hulkenberg. Equipe: Ferrari

Nos vemos no GP de Mônaco!

As dicas do Fantasy da F1 são feitas pelo veloz Vitor @chaveatle, exclusivo para o Major Sports Blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.