Uncategorized

‘Rivalidades’ – Futebol Europeu

Últimos textos da série ‘Rivalidades’, começando na Europa com os clássicos que ficaram conhecidos no mundo futebolístico

Nos dias atuais, é cada vez mais comum ver pessoas com camisas de clubes europeus na rua, no trabalho, nas baladas, etc. O que poucos sabem é que a primeira transmissão de um jogo do futebol europeu no Brasil foi feita na TVS, de Silvio Santos, há exatos 40 anos.

Com a ida dos nossos craques ao velho continente (Falcão, Casagrande, Zico, Careca, entre outros), o espaço de campeonatos como o italiano cresceram no cenário nacional. Isso foi aumentando o interesse do público e com isso, outros torneios começaram a ser transmitidos, desde os locais (inglês, alemão, português, espanhol, francês e russo) até a Liga dos Campeões da Europa, que alcançou outro patamar no século 21.

Uma dica para quem quiser descobrir mais a respeito das transmissões de futebol estrangeiro no Brasil, clique aqui e veja a matéria detalhada no site Trivela.

No texto de hoje, foram separados 9 clássicos europeus (o maior de seu respectivo país). Alguns famosos, outros não. Mas com rivalidade intensa e até decidindo título de UCL. Top 9 começa com…

#9 – Porto x Benfica (O Clássico)

São as duas maiores potências do futebol português. Ambos com dois títulos da UCL e com mais títulos da Primeira Liga de Portugal (37 x 28 para o Benfica).

Os duelos são marcados não só pela animosidade entre as torcidas como também são representadas pelas duas maiores cidades do país. O Benfica teve seu auge nos anos 60 com Eusébio. O Porto teve sua dinastia local entre 1995 e 1999, ganhando o até hoje inédito pentacampeonato português.

No confronto direto, a vantagem é do Dragão (94 vitórias, 88 dos Encarnados e 60 empates).

#8 – Lyon x St. Étienne (Derby du Rhône)

Um duelo que vai além das quatro linhas e que começou no século XVIII entre uma cidade mais industrializada (Lyon) contra uma cidade operária (St. Étienne). Com a rixa entre os pólos, não foi diferente quando ela se transportou para os gramados em 1951.

Ambos tiveram domínio na França, com o verde e branco comandando o futebol local nos anos 80. O Lyon demorou, mas conseguiu um feito de sete conquistas seguidas da Ligue 1 na última década. As provocações e brigas vão além, fazendo com que o duelo seja disputado em torcida única (não é uma medida comum na Europa).

Uma outra curiosidade: este clássico só foi disputado em apenas três estádios (o antigo Stade Gerland e o atual Groupama Stadium, do Lyon, e o Geoffroy-Guichard, do St. Étienne).

Entre os times, o duelo se preza pelo equilíbrio (44 vitórias do STE, 42 do Lyon e 33 empates).

#7 – Inter x Juventus (Derby D’Italia)

É um derby que foge a regra do nome. Pois só é dado em clássicos com times que ficam na mesma cidade. Mas com a rivalidade entre as duas maiores torcidas do futebol italiano em ascensão nos anos 60 e 70, o jornalista Gianni Brera batizou o duelo que ficou conhecido desta forma.

O clássico entre os times é marcado por grandes disputas e alguns fatos que valem ser lembrados. Antes do fatídico clássico de 1961 em Turim, uma invasão generalizada no estádio. A vitória foi decretada para o Neuzarrui, o que fez com o que o presidente da Velha Senhora, que também era o comandante da Federação a época, entrar com um recurso para a realização de uma nova partida que aconteceu dois meses depois. Do lado da Inter, o presidente do clube ordenou que o time entrasse com os juvenis para a partida. Resultado: a maior goleada da Juve no confronto, 9×1.

No histórico, o time ‘bianconeri’ tem ampla vantagem (111 vitórias, 77 da Inter e 61 empates).

#6 – Fenerbaçhe x Galatasaray (Derby Intercontinental)

Chegou a ser eleita a segunda maior rivalidade do futebol, em 2009. O nome do duelo é pelas partes europeias e asiáticas da capital turca, Istambul. O primeiro jogo foi disputado em 1909 e o Galatasaray prevaleceu invicto no confronto por quatro anos.

O confronto ganhou intensidade em 1934, em um amistoso. Segundo relatos, a partida foi interrompida inúmeras vezes diante de tantas faltas pesadas. Isso se transferiu para a torcida e no fim, o juiz foi obrigado a abandonar o campo após terminar em pancadaria. Isso virou marca registrada nos confrontos, onde até no aquecimento já aconteceu cenas lamentáveis, como já contou o ex-jogador Alex em entrevista na internet.

No histórico, vantagem para o lado amarelo (146 vitórias do Fener, 123 do Galatasaray e 121 empates).

#5 – Bayern de Munique x Borrusia Dortmund (Der Klassiker)

Duelo que ganhou força com o sucesso das equipes no cenário mundial. São as principais potências do futebol alemão na atualidade. Na história, são os times com mais títulos nacionais e internacionais na Alemanha.

Mas nem só de rivalidade em campo que os times vivem. O Bayern ajudou o time aurinegro a se salvar da falência e recuperar seu bons tempos. Ainda fora das quatro linhas, o velho esquema de comprar os melhores jogadores do campeonato alemão fazem dos bávaros a sua grande virtude, inclusive negociando com o próprio rival. A mais controversa das transferências aconteceu antes do maior jogo entre os times, que decidira a Eupora em 2013. Mario Gotze foi vendido ao Bayern e assistiu nas tribunas de Wembley o holandês Arjen Robben fazer o gol do título e tirar de vez sua fama de amarelão em finais.

São poucos os jogos, e mesmo assim quem manda é o Bayern (56 vitórias do BAY, 33 empates e 31 vitórias do Dortmund).

#4 – Olympiacos x Panathinaikos (Derby dos Inimigos Eternos)

Na Grécia, o duelo é conhecido como ‘a mãe de todas as batalhas’. Times famosos no país e localizados na capital Atenas, são os mais populares do esporte. Não só no futebol como no basquete, já que são figurinhas carimbadas da Euroliga. Segundo o jornal britânico Daily Mail, é uma das 10 maiores rivalidades do mundo (sendo eleita a quinta maior em setembro de 2019).

O duelo ganhou força graças ao sucesso do Olympiacos no futebol local. O time fica localizado em Piraeus, cidade portuária no subúrbio de Atenas. O Panathinaikos vem da classe alta grega e foi fundado muito antes do seu rival. A explosão demográfica no século 20, fez com que Piraeus se desenvolvesse para uma região urbanizada. Com a história de começar por baixo e crescer, fez com que o apelo pelo time vermelho ganhasse simpatia pelo povo e transformou o Thrylos (a lenda, em grego) em uma potência local e grande rival do PAO.

Mesmo que a maior goleada seja do lado verde (8×2), a vantagem da Lenda no geral é grande (81 vitórias do OLY, 69 empates e 50 vitórias do PAO).

#3 – Celtic x Rangers (Old Firm)

De todos os confrontos citados na série, esse é o segundo mais antigo. Disputado desde 1888 (131 anos), é uma rivalidade que transpassa do ambiente futebolístico, pois envolve também questões culturais e religiosas (Católicos x pRotestantes – que no futuro ganhará um texto a parte). Há quem diga ser o maior embate do futebol mundial.

O nome do clássico foi dado graças a uma ação ‘conjunta’ dos times. Na decisão da Copa da Escócia de 1909, uma briga entre as torcidas e policiais no segundo jogo da final acabou suspendendo a partida. Os rumores indicavam que os times haviam combinado um segundo empate (o primeiro jogo terminou com placar igual) e forçar o terceiro jogo para poder ganhar mais dinheiro. Esse, e outros motivos, fazem com que as torcidas tenham ódio profundo.

Assim como na França, o equilíbrio predomina entre os times (163 vitórias do Celtic, 160 do Rangers e 99 empates).

#2 – Manchester United x Liverpool (North West Derby)

Não é apenas na Itália que a regra foi quebrada. United e Liverpool são de cidades distintas e são as mais vitoriosas da Inglaterra, desbancando a capital do país. Em questão de idade, é mais velho que o clássico escocês por quatro anos e sendo assim, o mais antigo a ser citado nesta série. Curiosamente, a partida inaugural do clássico aconteceu na segunda divisão inglesa.

Os times não só tiveram domínio local como expandiram para a Europa, ganhando torneios continentais e mundiais (nesse caso, apenas os Red Devils). O Liverpool voltou aos holofotes do futebol depois de muitos anos amargando o ostracismo, mudando a gangorra contra seu rival. Mesmo hoje em um degrau abaixo, o United ganhou todas as competições que disputou em sua história. Não é qualquer time. Um fato: as transferências de jogador entre os rivais é escassa. A última aconteceu em abril de 1964.

No histórico, os Reds acabam ficando para trás (80 vitórias do MUT, 66 do LIV e 59 empates).

#1 – Real Madrid x Barcelona (Él Classico)

Na Espanha, o time que representa a realeza do país. Da Catalunha, vem o seu rival, não só no futebol como em questões políticas e separatistas, já que busca sua independência do território espanhol em uma batalha que dura séculos.

Em campo, o craque Dí Stefano que foi o estopim da rivalidade. Ao trocar o Barcelona pelo Real, que futuramente seria uma máquina e enfileirou conquistas da antiga Copa dos Campeões da Europa. Anos mais tarde, foi a vez de Luís Figo seguir o mesmo caminho e jogar nos Galáticos. A recepção ao meia português ao Camp Nou foi a pior possível. Já Ronaldinho Gaúcho, fez todo o Santiago Bernabeu aplaudir de pé uma atuação magistral. Com Messi e Guardiola contra Cristiano Ronaldo e Mourinho, goleadas e eliminações em UCL. Já com Zidane no comando do time merengue, o Real recuperou os anos dominantes no continente, ofuscando o rival. Essas e outras histórias que permeiam um dos maiores clássicos do mundo.

No geral, prevalece o time catalão (115 vitórias do Barça, 99 do Real e 61 empates.

Sentiu falta de algum outro grande duelo europeu em outro país que poderia estar aqui? Deixe nos comentários.

Amanhã, os clássicos entre nações no futebol. Até lá.

Categorias:Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.