baseball

MLB 2020 – Prévia NL West


Partindo para a divisão Oeste da Liga Nacional. Outro investimento de impacto feito por uma equipe em um jejum de World Series que passa dos 30 anos. O que não quer dizer que foi o único a se mexer no mercado.

Arizona Diamondbacks


Campanha em 2019: 85-77 (segundo colocado na NL West)
Talvez nem o torcedor mais otimista de Arizona acreditaria nessa campanha diante do cenário antes do campeonato começar. O maior jogador da última década pela equipe, Paul Goldschmidt, foi trocado para St. Louis. Veteranos vieram, alguns jogadores perderam o ano com lesões gravíssimas e ainda assim terminou sorrindo. Não só pela campanha surpreendente, mas por descobrir novas figuras para liderar a franquia, como Ketel Marte, e reforçar sua farm ao trocar Zack Greinke com Houston por quatro prospectos. O ano foi ótimo para o D-Backs, que ainda conseguiu um jogador que ninguém esperava na free agency.

Estatística positiva em 2019
WAR de Ketel Marte (7.2), que impulsionou os CF em WAA da NL. AZ foi a segunda melhor equipe em rebatidas triplas (40), atrás de outro rival de divisão

Estatística negativa em 2019
Um dos quatro times da NL com nenhum jogo completo de um arremessador em 2019

Rolê aleatório?


Uma peça necessária para comandar uma rotação que pode entregar mais. Madison Bumgarner, do seu jeito (sem alarde), aceitou o desafio e se mudou para um rival após anos de conquistas em San Francisco. Pode não estar mais no seu auge, mas ainda é um nome para ser respeitado na liga.

A considerar: Stephen Vogt (C), Junior Guerra (RHP), Kole Calhoun (RF), Starling Marte (OF) e Hector Rondon (RHP)

Por eliminação
Jogador pouco badalado desde os tempos em Nova York, Wilmer Flores fez uma temporada muito boa no time do deserto, mesmo jogando menos de 90 partidas na temporada.

A considerar: T.J. McFarland (LHP), Yoshihisa Hirano (RHP), Jarrod Dyson (OF), Alex Avila (C), Adam Jones (OF), Taijuan Walker (RHP), Steven Souza Jr (OF) e Caleb Joseph (C)

Campanha projetada (via fangraphs): 31-29 (batendo na trave)

IL (Injured List): Corbin Martin (RHP) e Silvino Brancho (RHP)

Optou por não participar da temporada: Mike Leake (RHP)

– Lineup
Starling Marte (OF)
Ketel Marte (2B)
Eduardo Escobar (3B)
David Peralta (OF)
Christian Walker (1B)
Kole Calhoun (OF)
Nick Ahmed (SS)
Jake Lamb (DH)
Carson Kelly (C)

Rotação
Madison Bumgarner (LHP)
Robbie Ray (LHP)
Zac Gallen (RHP)
Luke Weaver (RHP)
Merrill Kelly (RHP)

Bullpen
Archie Bradley (RHP)
Junior Guerra (RHP)
Andrew Chafin (LHP)
Hector Rondon (RHP)
Kevin Ginkel (RHP)
Yoan Lopez (RHP)
Stefan Crichton (RHP)
Jon Duplantier (RHP)
Alex Young (LHP)
Taylor Clarke (RHP)
Joel Payamps (RHP)

Prospecto a ser observado: Alek Thomas (OF – Prospecto #49 do top 100 da MLB Pipeline)


Escolha de segunda rodada em 2018 e com duas temporadas sólidas nas ligas menores, porém jogando no nível mais alto pela classe A avançada. Muito bom rebatedor, com corrida e defesa apurados, é um dos candidatos a posição no futuro.

Colorado Rockies


Campanha em 2019: 71-91 (quarto colocado na NL West)
A notícia mais bombástica vinda das montanhas foi a renovação de contrato do 3B Nolan Arenado até 2025. O novo vínculo não diminuiu o jogo de sua estrela, que fez mais uma ótima temporada e levou (como de costume) a luva de platina para sua galeria. O ataque de Colorado produziu, mas com os arremessadores irregulares ficou difícil competir. Sem perspectiva de novos investimentos, muito se especulou se o Rockies não iria colocar seu principal jogador na lista de negociáveis. Uma longa novela durante a inter-temporada e alguns desentendimentos entre time e atleta. Mas com os rumores perdendo força e nenhum time insistindo, o camisa #28 continua na equipe. Ao menos, por enquanto.

Estatística positiva em 2019
Não dá para falar nada contra o ataque do Rox, líder da NL em rebatidas (1502), duplas (323), triplas (41) e aproveitamento no bastão (.265)

Estatística negativa em 2019
No montinho… pior da NL em rebatidas cedidas (1576), corridas cedidas (958), home runs cedidos (270), strikeouts (1264) e ERA (5.56)

Vai tu, mesmo


Os movimentos foram praticamente escassos e a renovação de Scott Oberg é bem-vinda. De longe, o melhor arremessador da equipe na última temporada. Pode virar uma boa moeda de troca dependendo dos rumos que a franquia levar.

A considerar: Jose Mujica (RHP)

Nem por eliminação
As dispensas por parte de Colorado foram dentro dos conformes. Difícil elencar a mais sentida.

A considerar: DJ Johnson (RHP), Yonder Alonso (1B), Drew Butera (C) e Wes Parsons (RHP)

Campanha projetada (via fangraphs): 29-31 (um dos quatro da NL abaixo de 50%)

IL (Injured List): começa a temporada com 0 jogadores na lista de lesionados

Optou por não participar da temporada: Ian Desmond (OF)

– Lineup
David Dahl (OF)
Trevor Story (SS)
Charlie Blackmon (OF)
Nolan Arenado (3B)
Daniel Murphy (DH)
Ryan McMahon (1B)
Garrett Sampson (2B)
Sam Hillard (OF)
Tony Wolters (C)

Rotação
German Marquez (RHP)
Jon Gray (RHP)
Kyle Freeland (LHP)
Antonio Senzatela (RHP)
Jeff Hoffman (RHP)

Bullpen
Wade Davis (RHP)
Scott Oberg (RHP)
Jairo Diaz (RHP)
Carlos Estevez (RHP)
James Pazos (LHP)
Tyler Kinley (RHP)
Phillip Diehl (LHP)
Daniel Bard (RHP)
Ashton Goudeau (RHP)
Chi Chi Gonzalez (RHP)
Yency Almonte (RHP)

Prospecto a ser observado: Brendan Rogers (2B/SS – Prospecto #29 do top 100 da MLB Pipeline)


Mais um ano em que apareceu na lista dos melhores da MLB. Chegou a fazer sua estreia no ano passado, mas acabou se machucando e seu jogo ficou limitado. Vai para 2020 podendo contribuir mais em uma posição carente. É o que se espera de um jogador que saiu no mesmo draft que Dansby Swanson e Alex Bregman.

Los Angeles Dodgers


Campanha em 2019: 106-56 (campeão da NL West; eliminado na NLDS)
Favoritismo confirmado. Sem fazer loucuras, deixando seus talentos jogarem como Cody Bellinger, MVP da NL em 2019, Max Muncy mostrando que é mais que um achado, Hyun-Jin Ryu na melhor temporada da carreira, Corey Seager recuperado de lesão, Alex Verdugo se encaixando, Will Smith subindo e se mostrando um catcher confiável, Walker Buehler assumindo o comando da rotação em LA… Tudo lindo, se não chegasse outubro e o time desmoronasse nos momentos mais cruciais. Uma eliminação traumática envolvendo diretamente o grande ídolo, Clayton Kershaw, e amargando mais um ano na fila. A resposta para acabar com a seca foi dada em fevereiro, repetindo a mesma estratégia de anos anteriores.

Estatística positiva em 2019
Ataque e arremessadores foram dominantes. Principalmente os pitchers, que comandaram as ações também em FIP (3.73), ERA+ (123) e WHIP (1.102)

Estatística negativa em 2019
Seattle não está sozinho: quarto pior da NL em erros (106) e fielding geral (.982)

Se é para apelar


Um enredo que se arrastou por muitas semanas até que o martelo bateu e Mookie Betts chegou. Como não conseguiu o contrato que almejava para seguir em Boston, a franquia decidiu negociá-lo. Para LA é ótimo, pois terá um jogador nível MVP para dar mais dinâmica nas duas frentes de jogo. O problema: Betts será FA ao final da temporada. O time vai bancar uma renovação salgada e se comprometer pelos próximos anos caso o título não venha?

A considerar: Blake Treinen (RHP), Jimmy Nelson (RHP), Alex Wood (LHP), David Price (LHP) e Brusdar Graterol (RHP)

안녕 (adeus em coreano)
Foi difícil após um ano muito bom, mas o arremessador coreano Hyun-Jin Ryu testou o mercado e fechou com o Blue Jays para os próximos anos. O camisa #99, se ficar longe das lesões e entregar o que jogou em 2019, pode ser uma perda inestimável na rotação angelina.

A considerar: David Freese (3B), Rich Hill (LHP), Russell Martin (C), Jedd Gyorko (3B), Yimi Garcia (RHP), Alex Verdugo (OF) e Kenta Maeda (RHP)

Campanha projetada (via fangraphs): 36-24 (melhor da MLB)

IL (Injured List): Keibert Ruiz (C), Zach Reks (OF), Cody Thomas (OF), Jimmy Nelson (RHP) e Edwin Uceta (RHP)

Optou por não participar da temporada: David Price (LHP)

– Lineup
Mookie Betts (OF)
Max Muncy (1B)
Justin Turner (3B)
Cody Bellinger (OF)
Joc Pederson (DH)
A.J. Pollock (OF)
Corey Seager (SS)
Will Smith (C)
Gavin Lux (2B)

Rotação
Clayton Kershaw (LHP)
Ross Stripling (RHP)
Julio Urias (LHP)
Alex Wood (LHP)
Walker Buehler (RHP)

Bullpen
Kenley Jansen (RHP)
Pedro Baez (RHP)
Joe Kelly (RHP)
Blake Treinen (RHP)
Caleb Ferguson (LHP)
Dylan Floro (RHP)
Brusdar Graterol (RHP)
Adam Kolarek (LHP)
Scott Alexander (LHP)
Dustin May (RHP)
Dennis Santana (RHP)

Prospecto a ser observado: Gavin Lux (2B – Prospecto #2 do top 100 da MLB Pipeline)


Los Angeles sabe cuidar de seus prospectos e isso têm sido sua salvação para não precisar de um rebuild completo. O nome da vez fez uma ponta nas majors no ano passado e em 2020 pode arrebentar. Infielder de bastante potencial, é favorito ao prêmio de Calouro do Ano na NL.

San Diego Padres


Campanha em 2019: 70-92 (último colocado na NL West)
Outro time que investiu alto na off-season ao contratar Manny Machado. O terceira base formou uma ótima dupla com Fernando Tatis Jr, prospecto que estreou e confirmou o que dele se esperava. Outros jogadores como Hunter Renfroe e Franmil Reyes despontaram na parte ofensiva, e outros prospectos vindos da farm para o montinho como Chris Paddack, que começou muito bem na MLB, fizeram um combo interessante. Os resultados não vieram, mas ficou uma boa perspectiva em torno de San Diego que não poupou esforços para trazer gente nova. Porém, o preço a se pagar pode não ter sido o mais adequado.

Estatística positiva em 2019
Não foi um ano bom, falando em números frios. Apenas Tatis Jr se salvou no quesito WAA, o único positivo do time (3.0)

Estatística positiva em 2019
Foram muitas estatísticas entre as cinco piores da NL. As mais alarmantes foram rebatidas (1281), strikeouts sofridos (1581) e aproveitamento no bastão (.238)

Baseado em fatos
O filme se repetiu. San Diego buscou na costa leste americana um nome mais tarimbado para reforçar um jovem núcleo em Tommy Pham. O cenário, falando de retorno, é distinto. SD foi em um jogador com mais rodagem na liga.

A considerar: Drew Pomeranz (LHP), Trent Grishman (OF), Zach Davies (RHP), Jurickson Profar (2B), Craig Stammen (RHP), Emilio Pagan (RHP) e Tim Hill (LHP)

E não é brincadeira


Líder em Home Runs por SD no ano passado, Hunter Renfroe foi no pacote para Tampa Bay por Pham. Sai no momento em que pode atingir o ápice, e outro prospecto promissor foi junto para a Flórida na negociação.

A considerar: Adam Warren (RHP), Aaron Loup (LHP), Robbie Erlin (LHP), Travis Jankowski (OF), Carl Edwards Jr (RHP), Eric Lauer (LHP), Luis Urias (2B), Ian Kinsler (2B), Austin Allen (C), Nick Margevicius (LHP) e Manuel Margot (OF)

Campanha projetada (via fangraphs): 31-29 (dando o recado para a liga)

IL (Injured List): Jorge Mateo (2B/SS/OF), Anderson Espinoza (RHP), Jose Castillo (LHP), Andres Muñoz (RHP) e Trey Wintenger (RHP)

– Lineup
Fernando Tatis Jr (SS)
Trent Grisham (OF)
Manny Machado (3B)
Tommy Pham (OF)
Eric Hosmer (1B)
Wil Myers (OF)
Josh Naylor (DH)
Jurickson Profar (2B)
Francisco Mejia (C)

Rotação
Chris Paddack (RHP)
Dinelson Lamet (RHP)
Garrett Richards (RHP)
Zach Davies (RHP)
Joey Lucchesi (LHP)

Bullpen
Kirby Yates (RHP)
Drew Pomeranz (LHP)
Emilio Pagan (RHP)
Matthew Strahm (LHP)
Craig Stammen (RHP)
Tim Hill (LHP)
Pierce Johnson (RHP)
Luis Pedromo (RHP)
Gerardo Reyes (RHP)
Javy A. Guerra (RHP)
Cal Quantrill (RHP)

Prospecto a ser observado: MacKenzie Gore (LHP – Prospecto #5 do top 100 da MLB Pipeline)


Se tratando de farm, San Diego está bem servido. Não só com os que já estão na MLB como os que estão sendo preparados para o futuro. Vindo de família de atletas, o canhoto está subindo de nível, fechando 2019 na AA. É apontado pelos scouts como um futuro ace nas grandes ligas.

San Francisco Giants


Campanha em 2019: 77-85 (terceiro colocado na NL West)
A velha receita parecia dar certo mais uma vez. Um julho mágico e a esperança ganhou força na Bay Area. San Francisco nunca esteve apontado como um time para brigar por pós-temporada, mas acreditou e manteve seus principais nomes para mais uma arrancada. Mesmo com alguns achados no meio do caminho como Mike Yastrzemski e Alex Dickerson, o plano não vingou. O resultado final foi ver parte do núcleo vitorioso da década partir, entre eles o comandante das três conquistas: Bruce Bochy. Não se sabe se o botão do rebuild será apertado no lado laranja da Baía, mas o mercado pouco agitado e sem grandes nomes dão a entender que esse pode ser o caminho a se trilhar.

Estatística positiva em 2019
Mesmo com uma segunda metade ruim de temporada, ficou entre as cinco melhores da NL com menos erros cometidos (90)

Estatística negativa em 2019
No bastão, só conseguiu ter números melhores que SD. Porém, foi o terceiro pior em HRs (167)

Muita autenticidade e carisma ímpar


Mais um caso de ‘volta para casa’ se confirmou com Hunter Pence. Um dos jogadores mais icônicos da MLB atual, retorna para mais uma temporada em San Francisco onde alcançou a glória e reencontrar os que ainda seguem por lá.

A considerar: Billy Hamilton (OF), Kevin Gausman (RHP), Drew Smyly (LHP), Jarlin Garcia (LHP) e Wilmer Flores (2B)

Jamais será esquecido
Agora partindo do ponto de vista do Giants, não tem como ser diferente. Madison Bumgarner foi a cara da franquia e um herói incontestável pelo que fez em 2014. Um líder de poucas palavras e eficaz quando seu time mais precisou. Um ace fora dos padrões, mas que por enquanto, não vestirá o preto e laranja da costa oeste.

A considerar: Will Smith (LHP), Kyle Barraclough (RHP), Mike Gerber (OF) e Kevin Pillar (OF)

Campanha projetada (via fangraphs): 27-33 (garante o top 10 do draft 2021)

IL (Injured List): Aramis Garcia (C/1B), Billy Hamilton (OF), Tyler Beede (RHP), Jarlin Garcia (LHP) e Reyes Moronta (RHP)

Optaram por não participar da temporada: Tyson Ross (RHP) e Buster Posey (C)

– Lineup
Mike Yastrzemski (OF)
Evan Longoria (3B)
Brandon Belt (1B)
Hunter Pence (DH)
Alex Dickerson (OF)
Brandon Crawford (SS)
Mauricio Dubon (2B)
Rob Brantly (C)
Steven Duggar (OF)

Rotação
Johnny Cueto (RHP)
Jeff Samardzija (RHP)
Kevin Gausman (RHP)
Drew Smyly (LHP)
Tyler Anderson (LHP)

Bullpen
Tony Watson (LHP)
Trevor Gott (RHP)
Tyler Rogers (RHP)
Sam Connord (RHP)
Wandy Peralta (LHP)
Andrew Triggs (RHP)
Shaun Anderson (RHP)
Dereck Rodriguez (RHP)
Conner Menez (LHP)
Andrew Suarez (LHP)
Dany Jimenez (RHP)

Prospecto a ser observado: Joey Bart (C – Prospecto #14 do top 100 da MLB Pipeline)


Além de ser o mais observado, terá uma tarefa nada fácil. Independente do ano que alcance as grandes ligas, substituir Buster Posey será uma missão ingrata. Fechou o ano de 2019 com bons números na AA e pinta como uma das principais peças para o futuro. Sem o titular absoluto, tem chances reais de estrear em 2020.

Lineup, rotação, bullpen e lista de lesionados foram retiradas do site Roster Resource

*Texto atualizado às 14:18

Categorias:baseball, mlb, preview

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.